Eleições 2018

Ibope: Marconi, Lúcia Vânia e Vanderlan Cardoso lideram pesquisa ao Senado

O número de indecisos, brancos e nulos varia muito entre a pesquisa estimulada e a espontânea


Bárbara Zaiden
Do Mais Goiás | Em: 14/07/2018 às 11:47:43

Brancos e nulos somam 42%, enquanto os indecisos e os que não quiseram responder são 16% dos entrevistados (Foto: Reprodução)
Brancos e nulos somam 42%, enquanto os indecisos e os que não quiseram responder são 16% dos entrevistados (Foto: Reprodução)

A pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira (13) aponta que os três principais candidatos ao Senado Federal, em Goiás, são o ex-governador Marconi Perillo (PSDB), com 28% das intenções de voto; a atual senadora Lúcia Vânia (PSB), com 24%; e Vanderlan Cardoso, com 18%.

Em quarto lugar na intenção de votos está o atual vereador Jorge Kajuru (PRP), com 15%. Aparecem em seguida Demóstenes Torres (DEM), com 14%; Vilmar Rocha (PSD), 10%; Pedro Chaves (PSC), com 5%; e Wilder Morais (DEM) com 4%. Com 3% estão empatados Agenor Mariano (MDB), Fabrício Rosa (Rede), Luana Baldy (PP) e Luis César Bueno (PT). A possibilidade era de escolher até dois candidatos, mas 12% dos entrevistados citaram apenas um.

Brancos e nulos somam 42%, enquanto os indecisos e os que não quiseram responder são 16% dos entrevistados. Os números são referes à pesquisa estimulada, em que os entrevistados têm as opções de nomes em quem votar.

Nas pesquisas espontâneas, ou seja, aquelas em que os entrevistados apontam os nomes dos candidatos que têm na memória, os resultados são diferentes. Os três principais candidatos são Marconi (11%), Lúcia Vânia (11%) e Kajuru (5%).

Demóstenes (4%), que estava em sexto na pesquisa estimulada aparece como quarto. Vanderlan (3%), que aparece em terceiro lugar, caiu para quinto. Em seguida estão Vilmar Rocha (2%); Agenor Mariano, Fabrício Rosa e Wilder Morais estão com 1% das intenções de votos.

Com relação a brancos e nulos e aos indecisos ou que não responderam, há uma inversão. A primeira categoria sai de 42% na pesquisa estimulada, para 28% na pesquisa espontânea. Já os indecisos ou que não responderam mudam drasticamente de 16% para 48%.

A pesquisa do Ibope Inteligência foi contratada pela Associação Pró‐Desenvolvimento Industrial do Estado de Goiás (Adial). Foram 812 entrevistas em 39 municípios, entre os dias 07 e 10 de julho de 2018.

A margem de erro máxima estimada é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da  amostra. O nível de confiança utilizado é de 95%.