Troca de Tiros

Homem que traficava drogas na região do Balneário Meia Ponte morre em confronto com a PM

A Polícia Militar recebeu a denúncia e durante a abordagem houve a troca de tiros. O criminoso tinha várias passagens por roubo, receptação e porte ilegal de arma de fogo


Kayque Juliano
Do Mais Goiás | Em: 18/10/2018 às 10:35:30

Materiais apreendidos na ocorrência 
(Foto: Divulgação/ Choque)
Materiais apreendidos na ocorrência (Foto: Divulgação/ Choque)

Um membro de uma facção criminosa morreu em um confronto com policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar (PM), na noite desta quarta-feira (17), no Jardim Balneário Meia Ponte, em Goiânia. De acordo com Polícia Civil (PC), o homem tinha vários antecedentes criminais e teria atirado na corporação após uma tentativa de abordagem.

Segundo a PM, as equipes foram acionadas por volta de 20h30, por meio de uma denúncia anônima, que relatou aos policiais que um homem estaria comercializando drogas em uma casa na Avenida Ubaldina Neves de Brito. Ao chegar no local, as equipes teriam sido recebidas a tiros, momento em que houve o revide e o criminoso foi alvejado.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada, mas constatou a morte de Rafael Henrique de Oliveira Santos, 23 anos, no local. Ele foi alvejado por três disparos na região do tórax.

Na casa do suspeito, os policiais apreenderam um revólver calibre 38, uma submetralhadora calibre 380, duas balanças de precisão, além de várias porções de maconha. Todo material apreendido foi apresentado na Central de Flagrantes de Goiânia.

Uma equipe da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH) foi acionada e realizou os procedimentos de praxe. Segundo a PC, Rafael Henrique tinha antecedentes criminais por roubo a estabelecimento de carro, roubo a comércio, receptação e porte ilegal de arma de fogo.