Do Mais Goiás

Homem é suspeito de praticar estupro virtual contra adolescente de 16 anos, em Goiânia

Ele ameaçava publicar fotos íntimas da vítima caso ela não enviasse vídeos pornográficos para ele. Jovem chegou a tentar suicídio

Um homem de 19 anos é suspeito de estupro virtual contra uma adolescente de 16 anos, em Goiânia. As investigações da Polícia Civil (PC) apontam que ele ameaçava divulgar fotos íntimas da vítima caso ela não gravasse  e enviasse vídeos pornográficos.

A Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (Dercc) já cumpriu um mandado de busca e apreensão na casa do suspeito nesta sexta-feira (14). Foram apreendidos um notebook, um smartphone e pendrives. Não foram encontrados vídeos, mas foi identificado que ele fez um backup no computador recentemente.

O homem não teve o nome identificado e não foi preso. A Dercc informou que todo o material apreendido será periciado para que os próximos passos do inquérito sejam dados.

O crime

De acordo com a PC, suspeito e vítima se conheceram há de dois meses pela internet. Depois de algumas conversas, ela enviou fotos íntimas para o homem. Depois disso as ameaças começaram. A vítima chegou a tentar suicídio, mas foi socorrida por familiares e sobreviveu.

Esse é o primeiro caso de estupro virtual registrado no Estado de Goiás. No Brasil, já existe uma condenação por esse crime. De acordo com a PC, o crime acontece “quando o autor, mediante grave ameaça, exige que a vítima pratique atos libidinosos em si mesma, filme e envie para o criminoso, ato ilícito que se dá através de contato digital”.