Homem é preso suspeito de matar o enteado de dois anos, em Catalão

Suspeito acionou os Bombeiros dizendo que o menino tinha engasgado, mas foi preso horas depois. Criança estava com marcas de agressão no corpo


Fabricio Moretti
Do Mais Goiás | Em: 27/09/2019 às 19:44:52

Suspeito acionou os Bombeiros mas foi preso horas depois. Criança estava com marcas de agressão no corpo (Foto: Divulgação/PM)
Suspeito acionou os Bombeiros mas foi preso horas depois. Criança estava com marcas de agressão no corpo (Foto: Divulgação/PM)

Um homem foi preso nesta sexta-feira (27), suspeito de ter matado o próprio enteado no bairro Vila União, em Catalão. José Otávio Martins Belo, 20 anos, acionou o Corpo de Bombeiros afirmando que a criança, de apenas dois anos de idade, tinha engasgado.

Funcionários da Santa Casa de Misericórdia do município, para onde o menino foi encaminhado, acionaram a Polícia Militar (PM), após perceberam marcas de agressão no corpo da criança.

Segundo a PM de Catalão, uma equipe foi até a residência que José morava, mas quando chegaram no local o suspeito tinha fugido. “Ele foi localizado em um hotel no bairro São João, com passagens comparadas para Goiânia“, lê-se na ocorrência. José, que já possui ficha criminal por homicídio, tráfico, roubo e furto, foi preso e encaminhado à Central de Flagrantes.
Homem é preso suspeito de matar o enteado de dois anos, em Catalão

Criança foi encaminhada para a Santa Casa de Catalão com marcas de agressão pelo corpo (Foto: Reprodução/Google Street view)

No pronto socorro da Santa Casa, a criança teve seis paradas cardíacas e morreu. De acordo com a Polícia Civil (PC), a mãe do menino estava em uma consulta médica e os próprios policias foram ao local informar que o filho tinha morrido.

“Na delegacia, por orientação do advogado, José se manteve em silêncio. Já a mãe da criança disse que o companheiro já tinha a agredido, mas nunca agredido o filho. José foi levado para o presídio de Catalão, enquanto aguarda o fim do inquérito policial”, informou a PC.