OLHA A FACA!

Homem é preso após ameaçar funcionários da Caixa com uma faca; vídeo

Caso aconteceu em Senador Canedo. Indivíduo também quebrou vidros da agência usando uma pedra e foi detido em flagrante


Fabricio Moretti
Do Mais Goiás | Em: 15/10/2020 às 13:54:36

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

Um homem de 25 anos foi preso por ameaçar, com uma faca, os funcionários de uma agência da Caixa Econômica Federal em Senador Canedo. A agência se localiza na avenida Aroeira e o episódio aconteceu na última quarta-feira (14). De acordo com a Polícia Militar (PM), o indivíduo também usou uma pedra para quebrar os vidros do banco.

Segundo major Mattos, do 27º Batalhão da Polícia Militar (BPM), o homem não tinha feito o agendamento para que fosse atendido a respeito do auxílio emergencial. “Após dar errado a tentativa de sacar o dinheiro, ele teve um surto e usou a faca para ameaçar as pessoas com a faca, além de quebrar vidros da agência”, afirma.

Um vídeo registrado por uma mulher que estava no local mostra a ação do indivíduo. Para os policiais, ele grita que, se estivesse com uma arma de fogo, mataria todo mundo dentro do banco e depois se suicidaria.

“O governo não ajuda. Bate em mim, pode me matar, atira na minha cara. Já tem tempo que venho aqui, passando humilhação”, exclama o homem.

Três policiais militares cercam o homem, o jogam no chão, segundo a corporação usando “uso seletivo de força”, e o desarmaram. Ao ser algemado, o indivíduo grita que “tem um filho de onze meses para criar”.

De acordo com a PM, ao chegar na Delegacia de Polícia Civil (PC), ele ainda começou a chutar a viatura, causando danos ao veículo. Ele foi autuado em flagrante por dano ao patrimônio público federal, resistência e desacato.

O Mais Goiás entrou em contato com a Caixa Econômica por e-mail, mas até a publicação da matéria não obteve retorno. As ligações no número disponibilizado pela agência não foram atendidas.

Homem é preso após ameaçar funcionários da Caixa com uma faca; vídeo

Agência da Caixa Econômica em Senador Canedo (Foto: Google Street View)

Tópicos