Região Central

Homem é preso acusado de incendiar casa de ex-companheira, em Goianésia

O crime ocorreu em novembro de 2018. Apesar de ter prisão decretada na época, o acusado fugiu, sendo localizado somente na última sexta-feira (24)


Larissa Lopes
Do Mais Goiás | Em: 25/05/2019 às 15:17:32

Foto: Divulgação/PC
Foto: Divulgação/PC

Um homem de 32 anos foi preso preventivamente na última sexta-feira (24) em Goianésia, município da região central de Goiás. Ele é acusado de incendiar a residência da ex-esposa e ameaçá-la de morte.

O crime ocorreu em 2 de novembro de 2018. Na ocasião, a vítima, de 37 anos, prestou queixa na Delegacia da Mulher (Deam) da cidade. De acordo com informações da Polícia Civil (PC), a mulher relatou que havia saído e quando voltou para casa, deparou-se com as chamas.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e conteve o fogo. Enquanto isso, o homem ligou para a vítima e fez ameaças. Além disso, dias depois, ele voltou a procurá-la e afirmou que caso a mulher procurasse a delegacia, ele iria matá-la. Na época o homem teve prisão preventiva decretada. Contudo, ele fugiu. Após meses de investigação, o acusado foi localizado e preso.

O homem possui diversas passagens pela polícia por crimes de estupro, lesão corporal, injúria, ameaça, violação de domicílio, dentre outras infrações. Inclusive,segundo a PC, umas das prisões foi pelo fato de agredir a ex-mulher em 2014. Em 2017 ele invadiu a residência da mesma e também descumpriu medida protetiva de urgência.

Desta vez, ele responderá por crimes de incêndio de casa habitada, ameaça e descumprimento de medidas protetivas de urgência.