MPGO

Homem é denunciado por feminicídio de ex-namorada de 16 anos

Adolescente foi morta a facadas em 14 de julho deste ano, em Trindade

Cidades

Thiago Burigato
Do Mais Goiás | Em: 04/08/2017 às 10:49:48

Foragido desde 2002, homem condenado por matar esposa é preso em Goiânia. (Foto: Reprodução)
Foragido desde 2002, homem condenado por matar esposa é preso em Goiânia. (Foto: Reprodução)

Ítalo Kaique Araújo da Silva foi denunciado pela morte da ex-namorada Herika Raquel Abreu dos Santos, de 16 anos, ocorrida no dia 14 de julho deste ano. O promotor de Justiça Eudes Leonardo Bomtempo sustenta que houve quatro qualificadoras no crime: por motivo torpe (vingança), por meio cruel (reiterados golpes de faca), dissimulação e em razão da condição do sexo feminino (feminicídio).

Ítalo e Herika namoraram por dois meses, mas já estavam separados há mais de um ano na ocasião do crime. Segundo aponta a denúncia, mesmo depois do fim do namoro, eles ainda mantinham contato, pois o rapaz ora fornecia drogas para a vítima, ora faziam uso juntos. Consta que que Ítalo era usuário de cocaína e, sob o efeito da droga, ficava agressivo, motivo pelo qual a vítima passou a evitá-lo.

Ele, por sua vez, não se afastava e pedia para reatar o namoro, mas Herica não mostrava predisposição em voltar e, inclusive, já estava namorando outra pessoa. Ítalo chegou a tentar beijá-la à força, mas, diante da recusa, resolveu se vingar, matando a ex-namorada. Para isso, conhecendo a rotina da ex-namorada, ele a acompanhou, quando ela saiu da casa de uma amiga, por volta das 20 horas, para ir embora. Durante a caminhada em direção à casa de Herika, perto de um matagal, ele passou a golpeá-la com uma faca e a vítima reagiu, fazendo com que o denunciado se ferisse.

Com raiva, ele desferiu dois violentos golpes na barriga de Hérica. Na sequencia, Ítalo esfaqueou a moça várias vezes e a deixou gemendo no chão até a morte. O denunciado, então, foi para casa, onde deixou a camiseta suja de sangue dentro de um balde de água. Horas depois, o corpo foi encontrado e Ítalo preso em flagrante na casa dele.