Artur Dias
Do Mais Goiás

Gustavo Mendanha convoca reunião de emergência para discutir novas medidas restritivas contra Covid-19

Anúncio foi feito em live realizada na noite desta quinta-feira. De acordo com o prefeito, motivo é o aumento expressivo do número de casos de Covid-19 na cidade

Prefeitura de Aparecida diz que escalonamento do comércio tem apoio popular
Prefeitura de Aparecida diz que escalonamento do comércio tem apoio popular (Foto: Jucimar de Sousa/Mais Goiás)

O prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha (MDB), irá realizar uma reunião de emergência nesta sexta-feira (26) com o COE para discutir medidas mais restritivas de isolamento social por causa da Covid-19. O anúncio foi feito durante uma live realizada em seu instagram no início da noite desta quinta (25).

De acordo com o prefeito, o motivo é o aumento expressivo do número de casos da doença e da taxa de ocupação dos leitos de UTI e enfermaria nas cidades. “A verdade é que hoje nós estamos com um número que nós nunca tivemos em outros momentos. […] Nós nunca havíamos chegado a 80% [de taxa de ocupação dos leitos]. Agora estamos com 83%”.

Mendanha afirmou que pretende conversar também com outros prefeitos da região metropolitana. Ele ressaltou ainda que a testagem ampla continua e que está com todos os leitos disponíveis operando, mas que mesmo assim a taxa de ocupação está alta.

O prefeito ainda fez um apelo para que as pessoas respeitem o isolamento social. “Esse é um momento em que temos que ter muita responsabilidade. Infelizmente tenho visto muitas festas, mesmo com a fiscalização. A preocupação realmente é chegar em um momento em quem não tenhamos mais leitos para a população”.

“Fazer um apelo a você que possa ficar em casa. Eu sei que a maioria das pessoas tenham que trabalhar e eu sou um defensor do trabalhador, do empresário. Mas estou muito preocupado com esse momento que estamos vivendo.”