Do Mais Goiás

Gustavo afirma que não sairá do MDB e reafirma defesa em candidatura própria da sigla em 2022

Gustavo destacou que se todos os diretórios forem ouvidos, não resta dúvidas de que o partido decidirá por uma candidatura própria do MDB

Candidato à presidência do MDB vê Mendanha como nome em 2022
Candidato à presidência do MDB vê Mendanha como nome em 2022 (Foto: Jucimar de Sousa/MaisGoiás)

Gustavo Mendanha afirma que já recebeu propostas de filiação de outros partidos, mas não cogita a possibilidade de sair do MDB. Além disso, reafirmou que defende candidatura própria do partido para as eleições de 2022 e disse que não participaria de aliança com Ronaldo Caiado.

O atual prefeito de Aparecida de Goiânia ainda declarou que se Daniel Vilela decidir não ser candidato a governador de Goiás, o partido deve ouvir todos os diretórios municipais para decidir candidatura própria e escolher o nome de um candidato ao cargo máximo do estado.

Gustavo destacou que se todos os diretórios forem ouvidos, não resta dúvidas de que o partido decidirá por uma candidatura própria do MDB em 2022. As declarações foram concedidas em entrevista ao jornalista Jackson Abrão, para o jornal O Popular, nesta segunda-feira (7).

Convite

Nos bastidores políticos, há um caminho de aproximação entre o MDB e o governador Ronaldo Caiado (DEM). O alinhamento de parte do partido emedebista abriu brecha para que outras legendas convidassem o prefeito Gustavo Mendanha à filiação em outro partido.

No entanto, o prefeito de aparecida não acredita que se houver diálogo do MDB com seus diretórios municipais, sua vontade de candidatura própria do partido seja contrariada pela decisão da sigla. À coluna, um integrante da cúpula do PSDB de Goiás afirmou que o partido está de portas abertas para receber Mendanha se ele decidir mudar de partido.