Guilherme de Pádua se torna pastor de igreja evangélica

Em 1992, o ex-ator assassinou Daniella Perez, filha da escritora Glória Perez, com quem contracenou na novela 'De Corpo e Alma'

O ex-ator Guilherme de Pádua, conhecido por ter assassinado a atriz Daniella Perez – filha de Glória Perez – em 1992, tornou-se pastou da Igreja Batista da Lagoinha. A notícia foi compartilhada no Facebook de sua atual esposa, Juliana Lacerda. “Enfim, agora pastor Guilherme”, lê-se na publicação.

Conforme apurado pelo jornal Estado de Minas, Guilherme formou-se recentemente no Seminário Carisma, curso da Igreja Batista da Lagoinha. O ex-ator postou fotos da sua formatura e, na legenda, escreveu: “O seminário nos conduz a descobrir tantas coisas surpreendentes. Vou sentir saudades! Mas agora é colocar em prática”.

Caso Daniella Perez e Guilherme de Pádua

Guilherme de Pádua e Daniella Perez atuaram juntos como par romântico na novela De Corpo e Alma, em 1992. Neste mesmo ano, o ex-ator assassinou a garota com a ajuda de sua esposa à época, Paula Nogueira Thomaz.

Daniella foi apunhalada 18 vezes com uma tesoura. Seu corpo foi atirado em um matagal na Barra da Tijuca, no Rio. No mesmo ano, Guilherme e Paula foram sentenciados a 19 anos e seus meses de cadeia. O ex-ator, entretanto, só cumpriu sete anos da sentença e foi liberado em 1999.

Após a liberação, ele se mudou para Belo Horizonte, onde tornou-se membro da Igreja Batista da Lagoinha.

Guilherme de Pádua e Daniella Perez (Foto: Reprodução)