Educação

Greve de professores e servidores da Educação chega ao fim

Aulas na rede municipal devem ser retomadas a partir de segunda-feira (25).





//

Professores e servidores da rede municipal de Educação de Goiânia decidiram, nesta quinta-feira (21/05), pela fim da greve da categoria. A decisão foi tomada em assembleia geral realizada em frente à Secretaria Municipal de Educação (SME), no Setor Universitário. As aulas devem ser retomadas na segunda-feira (25/05).

Segundo o Sindicato Municipal dos Servidores da Educação de Goiânia (Simsed), a paralisação está suspensa até nova avaliação do movimento antes do início do segundo semestre escolar, em agosto.

Em nota, a secretaria afirmou que os servidores aceitaram três propostas da secretaria: gratificação de incentivo funcional para auxiliares de atividades administrativas no valor de 30%, com pagamento de 7,5% em setembro, 7,5% em dezembro e 15% em janeiro de 2016; progressão horizontal aos servidores administrativos em junho; e pagamento dos adicionais de incentivo à profissionalização, titulações e titularidade a partir de setembro deste ano, conforme a data de deferimento.

Entretanto, o Simsed afirma que são oito as propostas apresentadas e aceitas pela categoria e estão definidas em documento protocolado no Ministério Público de Goiás (MP-GO). Além das propostas ditas pela secretaria, também constam no documento outras cinco propostas.

Ainda não há definição sobre um calendário de reposição do conteúdo perdido pelos alunos.

Tópicos