Tráfico de drogas

Graer apreende cerca de uma tonelada de maconha

Os suspeitos, que estavam em uma casa no Setor Carolina Park, contaram que compraram a droga no Paraguai para revendê-la na Capital





//

Depois de quatro dias de campana, militares do Grupo de Radiopatrulha Aérea (Graer) prenderam em flagrante no início da noite desta terça-feira (03/11)  seis acusados de tráfico de drogas. Na casa em que os suspeitos estavam os militares encontraram uma tonelada de maconha.

Foi antes do feriado prolongado que militares de Senador Canedo e do Graer receberam a informação que um grande carregamento de maconha estaria chegando em Goiânia. Após levantamentos, os militares descobriram que a droga estaria escondida em uma casa na Rua João Carlos, Quadra 20, Lote 15, no Setor Carolina Park, em Goiânia.

Desde então, o imóvel passou a ser vigiado de longe por militares descaracterizados. Ao perceberem uma grande movimentação na tarde de hoje a casa foi cercada e os seis acusados acabaram flagrados lá dentro no momento em que pesavam os tijolos de maconha.

Foram presos Helton Moreira Cardoso, de 47 anos, Vinícius Dias de Souza, de 18 anos, Vinícius Mariotto da Cruz, de 35 anos, José Ricardo dos Santos, de 35 anos, Adriano da Silva Rodrigues, de 24 anos, e Anderson da Silva de Souza, de 21 anos. Os seis contaram que haviam adquirido a maconha no Paraguai ao preço de R$ 250 o quilo, e que pretendiam ganhar pelo menos três vezes pela comercialização da droga na Grande Goiânia.

Na casa, os militares apreenderam um importado Fuzion e um Gol modelo novo, veículos que serão periciados, já que existe a suspeita que sejam clonados. Junto com a droga, os seis presos foram encaminhados para a Polícia Federal a fim de serem autuados.