CORONAVÍRUS

Governo espanhol impõe lockdown parcial em toda região de Madri

Novas regras, que devem entrar em vigor nos próximos dias, incluem ainda o fechamento de bares e restaurantes às 23h, bem como parques públicos e infantis


Agência O Globo
Agência O Globo
Do Agência O Globo | Em: 30/09/2020 às 16:20:23

Espanha enfrenta dificuldades para controlar o coronavírus (Foto: Divulgação)
Espanha enfrenta dificuldades para controlar o coronavírus (Foto: Divulgação)

O governo espanhol anunciou nesta quarta-feira que chegou a um acordo com as autoridades regionais para impor um isolamento parcial em toda a cidade de Madri, na tentativa de conter a disseminação do novo coronavírus.

A medida prevê o fechamento das fronteiras da cidade para visitantes e impede o deslocamento dos moradores para fora do território, exceto em casos de necessidade. Com isso, as pessoas poderão sair para ir ao trabalho ou à escola, ao médico e para fazer compras, mas deverão permanecer em Madri para atividades de lazer.

As novas regras, que devem entrar em vigor nos próximos dias, ainda incluem o fechamento de bares e restaurantes às 23h, bem como parques públicos e infantis. As reuniões sociais serão limitadas a seis pessoas.

— A saúde de Madri é a saúde da Espanha. Madri é especial —  disse o ministro da Saúde espanhol, Salvador Illa, em entrevista coletiva.

A decisão do governo é tomada depois que autoridades municipais impuseram restrições somente em algumas partes da região.  Ao todo, 45 áreas, principalmente as mais pobre, onde a taxa de contágio está acima de mil casos para cada 100 mil habitantes, estavam em isolamento.

Na Espanha, as medidas de isolamento, impostas para conter o contágio do vírus, começaram a ser suspensas em 21 de junho. No mês seguinte, porém, alguns territórios voltaram a adotá-las. Em 18 de agosto, as restrições em todo o país foram endurecidas e vêm ganhando mais força à medida que novos casos da Covid-19 são registrados, tornando cada vez maior a possibilidade de um novo confinamento.

O país um dos europeus mais atingidos pela pandemia de Covid-19. Nas últimas 24 horas, segundo o novo balanço, o país registrou 3.897 novos casos, sendo 1.586 na capital.