Governo de Goiás amplia prazos para execução e prestação de contas da Lei Aldir Blanc

Até o momento, mais de 1.530 projetos de fomento cultural já foram aprovados pelos editais da lei no estado

Lei Aldir Blanc: como fica o benefício após a prorrogação dos prazos
Lei Aldir Blanc em Goiás estipula novos prazos para projetos prestarem contas (Foto: Pexels)

O setor cultural segue sendo um dos mais afetados pela pandemia de Covid-19, resultando na perda de emprego e renda de diversos trabalhadores e famílias, que dependiam de atividades que continuam suspensas por tempo indeterminado. Para auxiliar essas pessoas, foi aprovada pelo Governo Federal a Lei de Emergência Cultural, denominada Lei Aldir Blanc, em homenagem ao compositor que, infelizmente, acabou perdendo a luta contra a doença.

Os recursos da lei são repassados pelo Governo Federal aos estados, que são distribuídos então, aos municípios por meio do Fundo de Cultura. O programa, que já contemplou mais de 1.500 projetos no estado e pagou mais de 5 milhões, vem movimentando o setor cultural e econômico goiano.

Agora, o Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Seculto Goiás), anuncia a ampliação dos prazos dos editais da Lei Aldir Blanc, sendo que os projetos contemplados podem ser executados até 31 de maio, com prestação de contas até o dia 18 de junho.

O objetivo na nova medida é atender aos proponentes que ainda não conseguiram concluir as etapas do certame, em razão de eventuais vulnerabilidades decorrentes da pandemia de Covid-19.

Até o momento, o Governo já lançou três editais, beneficiando mais de 1530 projetos que contemplam a pluralidade do setor artístico, com verba paga a artistas e trabalhadores do setor no estado.

A intenção do Governo de Goiás é contemplar o maior número possível de artistas goianos para que todo esse fomento seja aplicado no Estado, seguindo um processo transparente e com a maior agilidade possível. Mais informações sobre os novos prazos e a Lei Aldir Blanc, como um todo, podem ser conferidos no site da Secretaria de Estado de Cultura do Governo de Goiás (clique aqui para acessar).

Leia também: