'ALÔ, MÃE'

Golpistas fingem ser filha de idosa e causam prejuízo de R$ 22 mil, em Goiânia

Polícia encontrou cartões de crédito de contas diversas com o homem e a mulher presos em flagrante


Da Redação
Do Mais Goiás | Em: 07/01/2021 às 10:08:51

Cartões de crédito apreendidos pela polícia com os suspeitos (Foto: Polícia Civil)
Cartões de crédito apreendidos pela polícia com os suspeitos (Foto: Polícia Civil)

A Polícia Civil prendeu em flagrante, nesta quarta-feira (6), um homem e uma mulher suspeitos de aplicar um golpe que causou prejuízo de mais de R$ 22 mil a uma idosa, de 63 anos, em Goiânia. A dupla fingiu ser a filha da vítima e pediu a ela que transferisse dinheiro.

Ao se identificar como a filha, os golpistas disseram que estava com um número de telefone novo. Toda a troca de mensagens aconteceu por Whatsapp. A idosa atendeu pedidos de transferência bancária e depositou o dinheiro em três contas diferentes, todas abertas em Goiânia. A dupla foi presa em flagrante. A investigação está a cargo da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC).

A mulher que foi presa em flagrante alega que apenas emprestou sua conta bancária para terceiro desconhecido. No entanto, a polícia encontrou com ela diversos outros cartões bancários, que, para os policiais, provavelmente se destinavam ao mesmo fim no esquema criminoso. Já o homem autuado em flagrante possuía um cartão bancário em nome de terceiro no momento da prisão. Ele confessou que recebeu a quantia que lhe foi transferida pela vítima e que em seguida fez uso do valor.

Ambos foram autuados em flagrante pelo crime de estelionato e já se encontram recolhidos em cela própria à disposição do Poder Judiciário.