PANDEMIA

Goiás registra seis novos casos de coronavírus; agora são 35

Número de pacientes com covid-19 saltou mais de 20% em 24 horas

Cidades

Eduardo Pinheiro
Do Mais Goiás | Em: 26/03/2020 às 09:14:09

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

Seis novos casos de covid-19, doença causada pelo coronavírus (Sars-Cov-2), foram confirmados pelo governo de Goiás na noite de quarta-feira (25). Dos 29 confirmados no dia anterior, número saltou para 35, um aumento de 20.65% em 24 horas. Ainda não há registros de óbitos no estado.

Goiânia registra o maior número de pacientes com a patologia descoberta na China. São 15 casos. Na sequência, vem Rio Verde, com seis; Anápolis, com três; Aparecida de Goiânia, com dois; Valparaíso de Goiás, também com dois; e Jataí, Catalão, Silvânia e Luziânia com um caso cada município.

O aumento foi registrado no mesmo dia em que o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, havia falado que Goiás “está segurando bem” o número de casos de covid-19. No Brasil todo, segundo dados do Ministério da Saúde, são 2.433 infectados e 57 mortes causadas pelo coronavírus.

Os óbitos foram registrados nas regiões Sul, Nordeste, Norte e Sudeste, a maioria no Estado de São Paulo, que é considerado o epicentro de contaminação no Brasil.

O ministro Mandetta disse, no entanto, que o número de casos no país está dentro do esperado, já que há contaminação comunitária, aquela em que as equipes de saúde não conseguem determinar a cadeia de contágio. A pasta fará um balanço dos últimos 30 para determinar projeções para o próximo mês.  

Silvânia

Um dos novos casos confirmados em Goiás é de Silvânia, município a cerca de 90 quilômetros de Goiânia. O paciente, um homem, havia viajado para o exterior e apresentou os sintomas da covid-19 no terceiro dia de isolamento. O Laboratório Central de Saúde Pública Dr. Giovanni Cysneiros (Lacen) fez o exame e confirmou a doença na tarde de quarta-feira (26).

O paciente está em isolamento domiciliar, acompanhado por equipe médica, sem apresentar novos sintomas por enquanto. 

A secretária municipal de Saúde, Flávia Dalila da Silva, informou por meio de nota que irá redobrar a atenção com idosos e demais integrantes do grupo de risco no município para evitar que o vírus se alastre e colapse o sistema de saúde local.