Goiás é dominado e perde para o Grêmio no Serra Dourada

O revés obriga o time goiano a vencer por pelo menos dois gols, para levar para os pênaltis, na Arena gremista.


Altemar Santos
Do Mais Goiás | Em: 26/04/2018 às 09:14:44

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

O Goiás terá uma missão quase impossível se quiser avançar na Copa do Brasil. Nesta quarta-feira (25), o Verdão foi completamente dominado pelo Grêmio em pleno Serra Dourada e perdeu por 2 a 0 no jogo de ida das oitavas.

O revés obriga o time goiano a vencer por pelo menos dois gols, para levar para os pênaltis, na Arena gremista. A data do duelo de volta entre alviverdes e tricolores ainda não está definida e depende das partidas dos gaúchos pela Libertadores. O próximo compromisso esmeraldino é pela Série B, no sábado (28), contra o São Bento, às 21h, em Sorocaba.

Se houve um jogo em que o Goiás foi dominado neste ano, foi contra o Grêmio. O Tricolor comandou as ações a todo instante e poderia ter feito um placar mais elástico em Goiânia. A velocidade baixa que aplicou durante boa parte do confronto, contudo, impediu que o time gaúcho fizesse o placar com mais facilidade.

No primeiro tempo, os visitantes tiveram mais de 60% da posse de bola, mas criaram apenas duas chances claras de gol. A primeira foi com Jael, aos 20 minutos. O atacante girou na área após dividir no corpo com David Duarte. Antes da finalização, Marcelo Rangel saiu e deu um chutão para impedir o gol tricolor.

A melhor oportunidade, contudo, veio aos 35 minutos. Everton recebeu ótimo passe de Maicon e saiu na cara do gol. Mais uma vez, Rangel se agigantou e fez excelente defesa para atrapalhar os gaúchos.

Verdão inerte

A partida demonstrou a enorme diferença entre as equipes. Mesmo jogando fora, o Grêmio buscou o ataque durante todo o jogo e não teve dificuldades para parar as raras tentativas de ataque do Goiás.

O Verde agrediu tão pouco, que Marcelo Grohe somente apareceu uma vez. Foi no primeiro minuto da segunda etapa, quando Giovanni atirou uma linda bola colocada. Ela iria no ângulo, mas o goleiro conseguiu dar o tapa e mandar para escanteio. Mais tarde, quando o Tricolor já estava em vantagem, Robson conseguiu acertar o travessão após chute colocado.

Passeou

O Grêmio não conseguiu marcar no primeiro tempo, mas nos 45 minutos finais, foi fatal. Aos dois minutos, Jael passou para Everton, que deixou dois marcadores para trás e tocou com confiança para tirar as chances de defesa de Marcelo Rangel e abrir o placar no Serra Dourada.

A vantagem não fez o estilo de jogo tricolor se alterar. Os comandados de Renato Portaluppi seguiram atacando. O Goiás tentou sair mais e deixou mais espaços. E foi em um contragolpe que veio o segundo gol. Aos 24, a bola pipocou na área e Luan foi atrás dela. David Duarte derrubou o atacante e o árbitro assinalou pênalti. Na cobrança, o mesmo Luan converteu com categoria.

Os gaúchos queriam voltar ao Rio Grande do Sul classificados, portanto, partiram para cima em busca do terceiro gol. A expulsão de Madison, que parou Luan com falta em um contragolpe muito perigoso, deixou o Verde sem condições de oferecer qualquer resistência ao domínio do Imortal. Os visitantes criaram mais chances, mas não conseguiram convertê-las em gol.

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 0X2 Grêmio

Data: 25 de abril de 2018
Horário: 19h30
Local: Estádio Serra Dourada; Goiânia, GO

Árbitro: Flávio de Souza (SP)
Assistentes: Alex Ribeiro (SP) e Tatiane Camargo (SP)

Público Pagante: 13.550
Público Presente: 15.742
Renda: R$ 307.745,00

Amarelos: Eduardo Brock, David Duarte (GOI); Jael (GRE)
Vermelho: Madison (GOI)
Gols: Everton, aos 3’2T, Luan, aos 24’2T (GRE)

Goiás: Marcelo Rangel; Caíque Sá (Alex Silva), David Duarte, Eduardo Brock e Breno; Madison, Pedro Bambu e Giovanni; Rafinha, Maranhão (Michael) e Carlos Eduardo (Robson).
Técnico: Hélio dos Anjos.

Grêmio: Marcelo Grohe; Madson (Alisson), Geromel, Kannemann (André) e Cortez; Arthur, Maicon, Ramiro, Luan e Everton; Jael (Thonny Anderson).
Técnico: Renato Portaluppi.

Leia mais no site Esporte Goiano