Solidariedade

Goiano pede ajuda para custear traslado do corpo da mãe, que morreu na Bélgica

Kaio Nascimento diz que a mãe estava há 18 anos na Bélgica e foi encontrada morta no apartamento em que morava


Joao Paulo Alexandre
Do Mais Goiás | Em: 08/03/2020 às 12:58:30

Kaio com a mãe na última vez que ela esteve no Brasil (Foto: Reprodução/Redes Sociais)
Kaio com a mãe na última vez que ela esteve no Brasil (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Um jovem goiano chamou atenção por conta de um desabafo nas redes sociais: ele pediu ajuda para trazer o corpo da mãe, Sineire Pereira do Nascimento, de 44 anos, de Bruxelas, capital da Bélgica. Segundo Kaio Nascimento, o laudo médico apontou que a mãe foi vítima de um infarto dentro do apartamento em que morava. Com isso, o jovem busca arrecadar R$ 40 mil para o translado.

Segundo o jovem, ela estava em Bruxelas há 18 anos e trabalhava como empregada doméstica na cidade belga. Kaio conta que foi por uma vizinha – e também proprietária do apartamento em que Sineire morava – que soube da morte da mãe. Ele conta que a patroa dela mandou mensagem para ele na madrugada da última quinta-feira (5) e questionou se o jovem havia conversado com ela.

“Ela me disse que, no dia anterior, minha mãe se queixou de muita dor de cabeça e que na quinta não foi trabalhar. Eu pedi para que a vizinha fosse lá. Ela bateu e ligou, mas minha mãe não atendeu. Perguntei se ela podia entrar no apartamento e eu autorizei. Ela chamou a polícia e ela estava caída sobre o tapete com a mão no peito”, destaca.

O jovem conta que a mãe esteve em Goiás no início do ano e que Sineire nunca reclamou de problemas de saúde. “Nós viajamos para Fortaleza e nos divertimos muito. Não havia histórico dela se queixar de problemas de saúde, principalmente de problema cardíaco”, conta o jovem.

Kaio teve que ir para Bélgica para cuidar das papeladas necessárias para o translado e, por isso, pede ajuda para conseguir trazer a mãe de volta para ser enterrada em Fazenda Nova, cidade natal dela, que fica a 206 quilômetros de Goiânia. ” Já estamos com uma campanha com amigos dela do Brasil e aqui de Bruxelas. É uma dor muito grande que sinto e quero enterrá-la perto da família. Esse valor é para a preparação do corpo, documentação e o transporte do corpo”, finaliza.

Quem puder ajudar Kaio, pode realizar depósito em duas contas que estão abaixo:

Kaio Borges Nascimento

Banco do Brasil
Conta Poupança
Variação: 51
Agência: 4988-3
Conta: 100848-0
CPF: 750.320.661-68

Ana Laura Vieira do Nascimento

Banco do Brasil
Agência: 4988-3
Conta corrente: 36046-5
CPF: 033.650.071-80