Do Mais Goiás

Goiânia inicia aplicação da vacina contra Covid-19 em adolecentes na quarta (15)

Primeiros a receber vacina contra Covid-19 serão adolescentes com 17 anos ou mais

Mulher recebe vacina contra a Covid-19
Os primeiros a receberem a vacina contra a Covid-19 serão os adolescentes com 17 anos ou mais (Foto: Jucimar de Sousa - Mais Goiás)

A Prefeitura de Goiânia confirmou que vai começar a aplicação da vacina contra a Covid-19 em adolescentes a partir desta quarta-feira (15). A imunização vai começar com pessoas a partir de 17 anos, passando depois para adolescentes de 12 a 17 anos. Idosos de 70 anos e pessoas imunossuprimidas também começam a receber a dose de reforço (terceira dose) nesta semana.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia (SMS), a aplicação da dose contra Covid-19 em adolescentes vai abranger os seguintes grupos: adolescentes a partir de 17 anos; adolescentes de 12 a 17 anos com deficiência e gestantes e puérperas de 12 a 17 anos.

A SMS também confirmou que vai iniciar, nesta semana, a aplicação da terceira dose – a dose de reforço contra o coronavírus – em idosos a partir de 70 anos e pessoas imunossuprimidas, que têm imunidade baixa. “Neste grupo, estão enquadrados pacientes em tratamento oncológico, lúpus, HIV e transplantados, por exemplo”, destacou a pasta.

A pasta lembrou ainda que a vacinação para quem tem 18 anos ou mais e ainda não se vacinou continua, além da segunda dose.

Assim como Goiânia, Aparecida também vai começar a imunização de adolescentes de 17 anos nesta quarta-feira. De acordo com a prefeitura, “todos com 17 anos ou mais já podem receber a 1ª dose em oito postos espalhados pela cidade” a partir de amanhã. Na hora de receber o imunizante é necessário apresentar documento de identidade ou certidão de nascimento, CPF ou Cartão SUS de Aparecida e comprovante de endereço.

Goiânia já aplicou mais de 950 mil doses de vacina contra Covid-19

Conforme dados da SMS, Goiânia já aplicou 958.721 doses de vacina contra a Covid-19 até agora, levando em conta a população com 18 anos ou mais. O maior grupo vacinado foi o de pessoas de 18 a 59 anos fora dos grupos prioritários: esses correspondem a 492.802.

O segundo maior grupo é o de idosos – incluindo os acamados e em Instituições de Longa Permanência (ILP): 199.126. Em seguida está o grupo de comorbidades, que equivale a 105.229 pessoas. Trabalhadores da Saúde são o quarto maior grupo de vacinados, com 97.455 pessoas.