Empreendedorismo

Goiânia inaugura centro de aceleração de empresas e inovação

O Hub de Aceleração é o primeiro passo em um projeto para transformar a cidade em um polo tecnológico




Está marcado para seru inaugurado amanhã (14) às 16h o Hub de Inovação Ace Gyntech, primeiro centro de aceleração de empresas e start-ups de Goiânia. Idealizado pelas empresas Ace e Gyntech, o objetivo do espaço de 500m² é oferecer consultoria para empresas, mentorias, eventos, cursos e pesquisas para alavancar o crescimento de empresas do ramo tecnológico no Estado.

 

Para isso, o centro de inovação já possui parcerias de peso, como o Sebrae Goiás, Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Goiás (Acieg), Associação de Jovens Empreendedores e Empresários de Goiás (AJE Goiás), StartupGO, Faculdade Esup/FGV, Universidade Federal de Goiás (UFG), Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás), Universidade Estadual de Goiás (UEG), Instituto de Pós-Graduação e Graduação (IPOG), Sindicato das Empresas de Informática, Telecomunicaçõese Similares do Estado de Goiás (Sindinformática) e Comunidade Tecnológica de Goiás (Comtec).

 

Quatro empresas já estão lá dentro recebendo consultoria dedicada, mas se você é empresário do ramo de tecnologia e está empolgado com esta notícia, saiba que as inscrições estão abertas até o dia 18 para projetos que poderão ganhar tutela do Hub. O centro também está captando R$ 5 milhões divididos em dez contas de R$ 500 mil vindos de investidores anjo com a intenção de investir R$ 100 mil por empresa, ou seja, financiando até 30 projetos.

 

Parque tecnológico

 

O Hub é só o primeiro passo de um projeto muito mais ambicioso: o de criar o parque tecnológico de Goiânia, ali no Goiânia 2, perto da UFG e ocupando 106 mil m² com a intenção de transformar a ciadade em um polo tecnológico. A ideia é construir prédios para as empresas pequenas e grandes se mudarem além de área de convivência, hotel e praça de alimentação, dando ares de Vale do Silício.

 

 “As start-ups são o nosso carro-chefe neste momento inicial enquanto o parque tecnológico é um processo de longo prazo que visa transformar a região norte de Goiânia em referência de concentração de empresas de base digital e inovação de alto impacto”, conta Vandré Sales, gerente de aceleração da Ace. Segundo ele, os planos para o lugar se estendem pelos próximos 15 anos.

 

“O foco é apoiar fisicamente empresas desde start-up até grandes empresas que queiram se instalar no Centro-Oeste entendam que nós seremos a melhor opção para eles. A partir de agora Goiânia ganha um ponto físico de aceleração. Até então a Ace ficava só em São Paulo, na avenida Paulista, e agora começa uma expansão para regiões particularmente promissoras, abrindo pontos em Curitiba, Rio de Janeiro e Goiânia. Agora as empresas podem ser aceleradas sem precisar ir pra São Paulo, o que restringia a oportunidade para o empreendedor”, explica Vandré.

 

“Nossa região de Goiás tem demonstrado que temos excelentes projetos e queremos dobrar a quantidade de projetos em 2017”, disse. Ele falou um pouco sobre que projetos eles procuram: “Que tenha potencial para valer muito e atender uma demanda nacional completa e até internacional, estamos de olho nesse projeto”.

 

O centro de inovação agora procura empresas com projetos ambiciosos, investidores e empreendedores. Se você quiser se inscrever, basta acessar: http://www.fundacity.com/goace/apply/1128.

 

SERVIÇO:

Inauguração do Hub de Inovação Ace Gyntec

Data: 14/12/2016 (quarta-feira)

Hora: 16 horas

Local: Hub Ace Gyntec (Pedro Paulo de Souza, HC2, bairro Goiânia 2)

Expectativa de público: 100 pessoas, entre autoridades, empreendedores, investidores anjo, startups e imprensa

Site para inscrições de startups: http://www.fundacity.com/goace/apply/1128