Música

Gloria Groove sobre sucesso de artistas LGBTQ no Brasil: “Estamos fazendo história”

Cantora lançou nesta quinta-feira (13) o clipe de 'Yoyo', parceria com a cantora Iza com referências Lady Gaga e outros ícones da cultura pop


Murillo Soares
Do Mais Goiás | Em: 14/06/2019 às 19:41:08

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Gloria Groove lançou nesta quinta-feira (13) o videoclipe de YoYo, uma parceria dançante com a cantora Iza. O registro visual das duas é recheado de referências à cultura pop (Lady Gaga, RuPaul’s Drag Race, Soul Train) e traz algo o que o público nem suspeitava: ela é uma das estrelas de um crossover de videoclipes de divas pop brasileiras, chamado Vingadoras do Pop.

“Sempre foi numa ideia do Felipe Sassi”, confirmou Gloria em entrevista ao Mais Goiás. “É muito doido fazer parte disso tudo, ainda mais porque é uma novidade tanto aqui quanto lá fora”, completa ela. YoYo começa de onde Coisa Boa terminou e dá o gancho perfeito para a faixa que a cantora tem com Lia Clark.

Por sua vez, Coisa Boa tem indícios de que é uma continuação de Bumbum no Ar, dueto de Lia e Wanessa Camargo.

Se haverá um novo capítulo das Vingadoras do Pop entre ela e Lia, Groove foi escorregadia: “Essa é uma pergunta que você deve fazer para a Lia. Tudo pode acontecer, já que você já viu as referências no clipe”.

Gloria Groove e Iza no clipe de 'YoYo'

(Foto: Divulgação)

Por enquanto, não haverá álbum

De 2017 para cá, Gloria tem investido em singles, não álbuns. Apesar de ser cobrada pelos fãs, entrar em estúdio para gravar um compilado com muitas faixas não está nos planos de um futuro próximo. “Eu sou um gay de 24 anos e acompanhei a carreira de muitas divas que faziam este caminho: lançavam clipe, álbum e turnê; já fui aquela ‘poc’ que fica em fóruns pedindo álbum”, brinca.

Agora, do outro lado da mesa, Gloria percebe que a situação não é tão simples quanto parece. “Um disco não é apenas juntar alguns singles”, sublinha. “Depois que me tornei cantora, entendi que o meu público consome, no máximo, de cinco a seis vídeos meus por ano. Assim, com um álbum, muitas faixas boas acabam ficando sem um trabalho legal”, conta.

Caso um álbum saia, disse Gloria, ela precisará focar apenas nisso. “Ofereço meu trabalho para um público muito exigente. Eles sempre esperam de mim uma superação. Então, um disco não pode sair de qualquer jeito”, completa.

Assista ao clipe de YoYo, parceria de Gloria Groove e Iza:

“Estamos fazendo história”

Um crossover de divas; altos números nas plataformas de streaming; agenda de shows lotada; entrevistas em vários programas na televisão aberta. Tanta exposição de uma cantora drag queen que representa a comunidade LGBTQ não acontece lá fora, mas acontece por aqui, “em um dos países mais homofóbicos do mundo”, diz Groove.

Segundo ela, aqui no Brasil as cantoras drags brasileiras (ela, Pabllo Vittar e Lia Clark, por exemplo) ultrapassam as barreiras de seu nicho. Algo que nos EUA, por exemplo, não acontece. “As artistas que aparecem no RuPaul’s Drag Race, por mais incríveis que sejam, não disputam as paradas musicais com artistas de grande massa”, afirma.

“Aqui no Brasil, nós desconhecemos esse limite. Trabalhamos como o público brasileiro como um todo”, aponta. “Estamos fazendo história. Mesmo na tormenta, sempre que eu pinto meu rosto, sinto que estou fazendo história. E só vou ter noção do que estou construindo hoje daqui muito tempo”, analisa.

Fase 3

Mais do que um marco na indústria fonográfica brasileira, YoYo foi lançada dias antes da estreia da nova turnê de Gloria Groove, Fase 3. Segundo a cantora, a ideia do nome surgiu na criação da setlist, quando ela percebeu que estava contando uma história em três capítulos.

“No primeiro momento, há uma Gloria mais selvagem”, explica. “Depois, surge numa Gloria mais romântica, como uma referência ao renascimento. Por fim, uma Gloria com um discurso mais progressista”, completa. De acordo com a cantora, os três sets representam a tríade corpo, alma e espírito.

O primeiro show da turnê Fase 3 acontecerá na próxima quarta-feira (19), na Audio Club, em São Paulo.

Gloria Groove no clipe de YoYo

(Foto: Divulgação)