ELEIÇÃO

Gilmar Mendes recoloca Magal como prefeito de Caldas Novas

Impasse gerado no município afeta cidadãos, que só neste ano já viram três gestores do executivo


Jairo Menezes
Do Mais Goiás | Em: 01/02/2018 às 23:37:32

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

O prefeito reeleito para governar Caldas Novas, Evandro Magal (PP), desde 2017 tem idas e vindas da gestão do executivo municipal. Condenados pelo Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO) por abuso de poder ao usar veículo de comunicação, Magal e o vice agora retomam ao governo por decisão do ministro Gilmar Mendes, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), após pedido de decisão em caráter liminar.

Magal e o vice da chapa, Fernando de Oliveira Resende (PPS), foram afastados pela primeira vez no início de novembro e reassumiram no fim do mesmo mês. Em janeiro foram novamente afastados no início do mês. No dia 19 de janeiro ele reassumiu novamente. Moradores da cidade já tratam o assunto como uma novela.

Dessa vez o ministro Gilmar Mendes descreveu acreditar, com base em publicações antigas do periódico, que o “jornal E+ Notícia teria comprometido a igualdade de chances entre os candidatos”, descreve o ministro.

O ministro Gilmar Mendes determinou em caráter liminar que Magal seja reconduzido ao cargo até o julgamento final pelo plenário do TSE.