FolhaPress

Gêmeos morrem após um tentar salvar o outro de afogamento em piscina

Avô das crianças afirmou que os meninos estavam sob os cuidados da babá deles, mas, de alguma forma, eles conseguiram sair de casa e abrir o portão da cerca da piscina

Gêmeos morrem após um tentar salvar o outro de afogamento em piscina

Os gêmeos de dois anos, Sebastian e Ethan, morreram afogados na piscina da família quando um caiu e outro aparentemente tentou salvá-lo no último sábado (28), na África do Sul. O avô das crianças afirmou que os meninos estavam sob os cuidados da babá deles, mas, de alguma forma, eles conseguiram sair de casa e abrir o portão da cerca da piscina. A polícia agora investiga a morte dos meninos.

Segundo o site The Sun, o serviço de ambulância local divulgou um comunicado à imprensa confirmando a morte das crianças. Eles informaram que quando os paramédicos chegaram na casa, os gêmeos foram encontrados na piscina da família. Os profissionais tentaram ressuscitá-los, mas “suas tentativas não tiveram sucesso e os dois meninos foram declarados mortos no local”.

Ivan Ikes, avô dos meninos, disse que os pequenos estavam sob os cuidados da babá deles e a mulher não notou que eles haviam saído de dentro da casa e seguiram para a piscina. Ele escreveu nas redes sociais: “Os meninos se levantaram e saíram [de casa] e, de alguma forma, depois de mexer, conseguiram abrir o portão da cerca da piscina”.

“Um garoto caiu e o outro, depois do que pareceu acenar para seu irmão sair, saltou para salvá-lo. Eles se agarraram ao Kreepy Krauly [limpador de piscina] pelo tempo que puderam até sucumbir ao destino”, disse o avô explicando que as câmeras de segurança do local registraram os dois irmãos abrindo o portão que cercava a piscina e caindo nela.

Em diversas postagens no Facebook, o avô das crianças ainda escreveu: “Eles [Sebastian e Ethan] entraram em nossas vidas juntos e deixaram nossas vidas juntos. Faríamos tudo para desacelerar [o tempo] para que pudéssemos desfrutar mais de vocês”, escreveu.

A porta-voz da polícia de KwaZulu-Natal, Thembeka Mbele, afirmou que o acidente aconteceu pouco depois das 16h (horário local) e explicou que foi aberta uma investigação. “A polícia de Pinetown abriu um inquérito e está investigando as circunstâncias do acidente”, disse ao jornal sul-africano HeraldLive.