Estado grave

Gêmeo siamês Heitor tem piora com paralisação do intestino, diz hospital

Eitor se recupera da separação do irmão Arthur, que morreu em Goiânia.





//

Segundo boletim médico divulgado pelo Hospital Materno Infantil (HMI), permanece grave o estado de saúde de Heitor Brandão, de 5 anos. Ele segue internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica do hospital, respirando com ajuda de aparelhos, em dieta zero.

Na manhã desta segunda-feira, dia 10, a equipe médica da unidade fez a retirada do aparelho respiratório, mas Heitor não reagiu bem e precisou ser entubado novamente.

Sobre a paralisação do funcionamento do intestino de Heitor, o HMI informa que as causas ainda estão sob investigação. Não há previsão de alta.

Separação
Heitor e seu irmão gêmeo, Arthur, passaram por cirurgia de separação no último dia 24. Eles nasceram no HMI no dia 8 de abril de 2009 e eram unidos pelo tórax, abdômen e bacia, compartilhando o fígado e genitália. Foram separados após cinco anos de preparação. No dia 28 de fevereiro, morreu o gêmeo Arthur que sofreu uma parada cardíaca.