Do Mais Goiás

Galo supera Colo-Colo e fica com vaga na

Atlético-MG e Colo-Colo terminaram o grupo 1 da principal competição de clubes das Américas com nove pontos


//

Até a chuva deu o ar da graça para ver o Atlético-MG nesta quarta-feira. O Galo entrou em campo precisando vencer os chilenos do Colo-Colo por dois gols de diferença para avançar às oitavas de final da Libertadores. Mais uma vez, a torcida alvinegra acreditou no time, que, na base do sofrimento, conseguiu mais uma classificação histórica no Horto.

Os atleticanos venceram por 2 a 0 e ficaram com a vaga no critério do saldo de tentos. Os heróis da noite foram o centroavante argentino Lucas Pratto e volante Rafael Carioca.

Atlético-MG e Colo-Colo terminaram o grupo 1 da principal competição de clubes das Américas com nove pontos, mas os atleticanos levaram a melhor no critério de saldo de gols, ficando com o segundo lugar da chave, que terminou com a liderança dos colombianos do Santa Fe, com 12 unidades.

Classificado na Libertadores, o Atlético-MG passa a focar agora na disputa da decisão do Campeonato Mineiro. Nos dois próximos finais de semana, o Galo encara a Caldense, com a primeira partida confirmada para domingo, no Mineirão, e o jogo de volta com mando da Veterana, em local ainda indefinido.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 2 x 0 COLO-COLO-CHI

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 22 de abril de 2015, quarta-feira
Horário: 19h45 (de Brasília)
Árbitro: Carlos Vera (EQU)
Assistentes: Christian Lescano e Carlos Herrera (ambos do Equador)
Cartões amarelos
: Luan, Jemerson, Guilherme e Victor (Atlético-MG); Esteban Pavez e Esteban Paredes (Colo-Colo-CHI)

GOLS
ATLÉTICO-MG: Lucas Pratto, aos 18 minutos do primeiro tempo; Rafael Carioca, aos 34 minutos do segundo tempo

ATLÉTICO-MG: Victor; Patric, Edcarlos, Jemerson e Douglas Santos; Rafael Carioca e Dátolo; Luan (Danilo Pires), Guilherme (Eduardo) e Carlos (Maicosuel); Lucas Pratto
Técnico: Levir Culpi

COLO-COLO-CHI: Paulo Garcés; Christian Vilches, Julio Barroso e Leonardo Cáceres; Camilo Rodríguez, Gonzalo Fierro, Esteban Pavez, Claudio Baeza, Luis Pavez (Felipe Flores) e Emiliano Vecchio (Bryan Carvalho); Esteban Paredes
Técnico: Hector Tapia