Brasileirão

Gabigol faz golaço, e Flamengo vence Santos em “final” do primeiro turno

Com o resultado, o Flamengo de Jesus foi para 42 pontos, abriu cinco de vantagem para o vice-líder Santos e confirmou o título simbólico do primeiro turno


FolhaPress
FolhaPress
Do FolhaPress | Em: 14/09/2019 às 20:50:54

Gabigol comemora gol contra o Santos (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)
Gabigol comemora gol contra o Santos (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

No jogo tratado como final simbólica do primeiro turno do Campeonato Brasileiro, venceu aquele que já liderava o torneio. Com direito a golaço de cobertura do artilheiro Gabigol na reta final do primeiro tempo, o Flamengo venceu o Santos por 1 a 0, em jogo disputado no fim de tarde de hoje (14) no Maracanã.

O embate também marcou o encontro “dos Jorges”, os únicos técnicos estrangeiros da Série A – melhor para o português. Com o resultado, o Flamengo de Jesus foi para 42 pontos, abriu cinco de vantagem para o vice-líder Santos e confirmou o título simbólico do primeiro turno.

Das 16 edições já finalizadas na era dos pontos corridos, apenas quatro vezes o time que iniciou o returno na liderança não terminou campeão – Grêmio (2008), Internacional (2009), Atlético-MG (2012) e São Paulo (2018).

O Santos, por sua vez, fecha o turno em maré de maus resultados. Nas últimas seis exibições, apenas uma vitória para o Peixe. Estacionado com 37 pontos, o time de Sampaoli pode ser ultrapassado ainda hoje pelo Palmeiras em caso de vitória alviverde sobre o Cruzeiro, ainda hoje, no Allianz Parque. Flamengo e Santos voltam a campo apenas no sábado que vem, pela primeira rodada do returno do Brasileirão. Os cariocas visitam o Cruzeiro no Mineirão, às 17h, e os santistas recebem o Grêmio na Vila Belmiro, às 19h.

FLAMENGO
Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luis (Renê); Willian Arão, Gerson, Arrascaeta (Berrío) e Everton Ribeiro; Bruno Henrique e Gabigol. Técnico: Jorge Jesus

SANTOS
Everson; Luan Peres (Uribe), Gustavo Henrique e Lucas Veríssimo; Victor Ferraz, Alison, Sánchez (Felipe Jonatan) e Jorge; Marinho, Soteldo e Eduardo Sasha (Cueva). Técnico: Jorge Sampaoli

Estádio: Maracanã
Horário: 17h deste sábado
Juiz: Bráulio da Silva Machado (SC) Assistentes: Kleber Lúcio Gil (SC) Henrique Neu Ribeiro (SC) VAR: Rafael Traci (SC) Público/Renda: 62.510 pagantes (68.243 presentes) / R$ 3.328.050,95 Cartões amarelos: Gabigol, Bruno Henrique e Jorge Jesus (Flamengo); Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo, Marinho, Cueva e Jorge Sampaoli (Santos) Gols: Gabigol, aos 43′ do 1º tempo