FURTO E RECEPTAÇÃO

Funcionário de ônibus interestadual furta celular de passageira no DF

Ele acabou preso. Mulher que trabalha em loja de celulares na rodoviária de Taguatinga foi detida por receptação enquanto reconfigurava aparelho para padrões de fábrica


Da Redação
Do Mais Goiás | Em: 14/09/2020 às 09:30:26

(Foto: Divulgação/PRF)
(Foto: Divulgação/PRF)

Duas pessoas foram presas na noite do último domingo (13) na rodoviária de Taguatinga, Distrito Federal (DF), pelos crimes de furto e receptação de um aparelho celular. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o telefone era de uma passageira de um ônibus interestadual.

A vítima, segundo registro da corporação, estava em um ônibus que seguia de Brasília (DF) para Goiânia (GO), quando sentiu falta do aparelho após uma parada na rodoviária de Taguatinga. Ela então resolveu registrar a ocorrência na Unidade Operacional (UOP) da PRF.

Os policiais realizaram uma busca no veículo e nos pertences dos outros passageiros, não encontrando o aparelho celular. O motorista do ônibus informou para a PRF que apenas um homem, que prestava serviço para a empresa, entrou no veículo para realizar a contagem dos passageiros. Os policiais foram até o terminal rodoviário de Taguatinga, onde encontraram o funcionário.

Para a polícia, o homem, de 39 anos, confessou que havia furtado o telefone e o entregou para uma funcionária de uma loja de celulares da própria rodoviária. No estabelecimento, os policiais encontraram o celular de posse da mulher, de 20 anos. Segundo os agentes, o aparelho já estava sendo reconfigurado para os padrões de fábrica, operação conhecida também pelo termo em inglês reset.

O funcionário da empresa de ônibus foi preso por furto e a mulher foi presa por receptação. Os dois foram encaminhados à 12ª delegacia de Polícia Civil de Taguatinga.