Acidente aéreo

França envia 2 investigadores para ajudar nas buscas por avião na Indonésia

A aeronave Airbus Group NV A320 perdeu o contato com a torre de controle durante um voo que partiu de Surabaya, na Indonésia, neste domingo, com destino a Cingapura





//

O escritório de investigação da França (BEA) do acidente ocorrido com o avião da AirAsia disse, neste domingo, que enviou uma equipe à Jacarta, na Indonésia, para ajudar nas buscas pela aeronave desaparecida com 162 pessoas a bordo. A BEA afirmou em um comunicado que dois investigadores se juntarão aos especialistas técnicos da Airbus na viagem.

A aeronave Airbus Group NV A320 perdeu o contato com a torre de controle durante um voo que partiu de Surabaya, na Indonésia, neste domingo, com destino a Cingapura. O avião viajava com altitude elevada para evitar o mau tempo, segundo autoridades. O contato com o avião foi perdido às 7h24 (horário local), quase duas horas depois da decolagem.

O Conselho Nacional de Segurança de Transportes dos EUA disse que estava monitorando a situação e que participaria de uma investigação, caso fosse requisitado, servindo como conselheiro técnico.

Centros de crises para familiares e amigos dos passageiros do avião da AirAsia foram montados na maior cidade portuária da Indonésia e em Cingapura neste domingo. Cerca de 100 pessoas foram afastadas da imprensa em uma bem vigiada sala no aeroporto de Surabaya, aguardando atualizações sobre a aeronave desaparecida.

A busca pelo avião, concentrada nas águas ao redor da ilha indonésia de Bangka, no sul de Cingapura, foram suspensas durante a noite e serão retomadas na segunda-feira. (Com Dow Jones Newswires)

Tópicos