Do Mais Goiás

Fotógrafo goiano que pegou mala com R$ 25 mil por engano destroca a bagagem

Correção do equívoco ocorreu na última segunda-feira (7) em Foz do Iguaçu

Foto: Arquivo pessoal

O fotógrafo goiano que havia pegado uma mala com R$ 25 mil por engano ao desembarcar de um avião no Paraná, no mês passado, conseguiu finalmente destrocar as bagagens. A correção do equívoco ocorreu na última segunda-feira (7) em Foz do Iguaçu, onde a confusão foi registrada.

A história teve início quando Pedro Augusto Ferreira desembarcou na cidade paranaense para depois ir para o Paraguai, na intenção de fazer compras. Acontece que sua mala era idêntica ao do engenheiro ambiental cearense Gabriel Cordeiro, que estava no mesmo voo, e no momento de pegar sua bagagem no compartimento acabou ficando com a mala de Gabriel.

Quando Pedro chegou ao hotel onde se hospedou, depois de comprar no Paraguai a câmera que havia planejado, não teria conseguido abrir a mala. Após esforço, o rapaz abriu a bagagem e percebeu que não era dele, fechando mas não tomou o cuidado de olhar o que tinha dentro. O goiano só se deu conta dos R$ 25 mil ao chegar em Goiânia.

Na mesma semana, Pedro ligou para Gabriel e garantiu  que o dinheiro seria devolvido. Os R$ 25 mil foram transferidos para o cearense e, na última segunda-feira, as malas finalmente foram destrocadas.

Como os dois viajam frequentemente para Foz do Iguaçu, Gabriel mandou a bagagem de Pedro a uma locadora de carros da cidade, onde o goiano já recobrou seus pertences. Como o engenheiro ambiental viaja sempre para Foz do Iguaçu, foi combinado que, na próxima viagem, ele buscará a sua no mesmo local.