Tarda, mas não falha

Foragido da justiça é preso suspeito de estuprar criança de 9 anos, em Luziânia

O crime aconteceu em setembro de 2015 e, desde então, o homem estava foragido. Ele foi preso na tarde desta terça-feira (15) na casa de familiares


Kayque Juliano
Do Mais Goiás | Em: 16/01/2019 às 12:25:37

(Foto: Divulgação/ Polícia Civil)
(Foto: Divulgação/ Polícia Civil)

Um homem foi preso na tarde desta terça-feira (15), suspeito de estuprar uma criança de 9 anos, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. De acordo com a Polícia Civil (PC), o crime aconteceu em setembro de 2015 e, desde então, o suspeito, que não teve a identidade divulgada, estava foragido da justiça. No entanto, ele foi localizado em casa de familiares no município.

De acordo com a PC, o homem era amigo dos familiares da vítima há mais de 15 anos e sempre frequentava a casa deles. Inclusive, em diversas ocasiões, dormia na residência. Segundo a corporação, em uma das pernoites, o homem aproveitou que todos dormiam e foi até o quarto da vítima, que também estava dormindo. O suspeito colocou a mão dentro da calcinha da criança, momento em que teve o órgão genital violado.

Ao perceber a agressão, a menor, que hoje tem 12 anos, entrou em desespero, ocasião em que o suspeito ofereceu para ela dinheiro em troca do silêncio. Contudo, no dia seguinte, a vítima relatou o ocorrido para os pais que procuraram a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depai) de Luziânia.

Desde a data do crime, os familiares da criança não tiveram mais contato com o suspeito e não sabiam do paradeiro dele. O delegado responsável pela investigação do caso, Maurício Passerini, representou pela decretação da prisão temporária, a qual foi deferida.

A PC acredita que após o crime, o suspeito tenha fugido e, após um tempo, retornou para a cidade, quando foi preso pelos policiais ao sair da casa de familiares.