Fabricio Moretti
Do Mais Goiás

Fiscalização de bagagem de mão começa nesta quarta-feira (24) no Aeroporto Santa Genoveva

Durante 19 dias, Abear vai orientar passageiros sobre os limites permitidos. Depois disso, viajante poderá ser barrado na área de embarque

Nesta quarta-feira (24) a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) dará início no Aeroporto de Goiânia, o Santa Genoveva, e em outros 14 aeroportos nacionais, uma fiscalização educativa para orientar os passageiros sobre a utilização da bagagem de mão, de acordo com as regras em vigor.

A campanha vai até o dia 12 de maio. A partir de 13 de maio, os viajantes em desacordo com as normas poderão ser barrados. Caso a bagagem ultrapasse as medidas, o passageiro terá de ser despachar a mala e pagar pelo peso excedente.

De acordo com a Abear, a intenção das novas regras é agilizar o fluxo dos clientes nas áreas de embarque, evitando atrasos.

Normas

Segundo o Procon Goiás, cada companhia aérea possui exigências específicas em relação às dimensões e ao peso das malas, conforme resolução da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Portanto, antes das viagens é preciso consultar as exigências de cada empresa para evitar transtornos.

Medidas

As quatro maiores companhias aéreas do Brasil (Avianca, Azul, Gol e Latam) seguem as recomendações da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA, em Inglês) para bagagens de mão: 55 centímetros de altura x 35 centímetros de largura e 25 centímetros de profundidade.

Além da bagagem de mão, algumas companhias aéreas permitem que o passageiro também leve gratuitamente um item pessoal, como uma bolsa pequena, mochila para notebook, entre outros. (com informações do Procon Goiás e da Abear)

*Atualizada às 17h45