FUGA DELIVERY

Ex-senadora colombiana foge da prisão em moto de aplicativo de entregas e vira meme

Aída Merlano estava presa por corrupção e porte ilegal de armas. Ela usou uma corda para sair pela janela e uma moto da empresa a esperava; uma montagem dela usando o uniforme da marca, em uma moto, viralizou na internet


Da Redação
Do Mais Goiás | Em: 02/10/2019 às 14:09:44

Ex-senadora colombiana foge da prisão em moto de aplicativo de entregas e vira meme (Foto: Reprodução | Internet)
Ex-senadora colombiana foge da prisão em moto de aplicativo de entregas e vira meme (Foto: Reprodução | Internet)

Na última terça-feira (1º), a ex-senadora colombiana Aída Merlano, 43 anos, fugiu da prisão em uma moto de um aplicativo de entregas, na cidade de Bogotá. O caso inusitado virou meme na internet. A parlamentar estava presa desde 2018, acusada de crimes de corrupção e porte ilegal de armas e agora está foragida.

Aída Merlano estava em uma consulta odontológica no norte de Bogotá e utilizou uma corda para sair pela janela. A polícia investiga se funcionários do centro médico teriam sido cúmplices da fuga. Ao sair, uma moto da empresa esperava pela ex-senadora na frente do local.

De acordo com o jornal El Tiempo, o Instituto Nacional Penitenciário e Prisional (Inpec) da Colômbia solicitou a ajuda da polícia para procurar Merlano. A ex-senadora foi investigada por ter excedido as despesas máximas estabelecidas por lei para o financiamento de campanhas eleitorais. Além disso, foi condenada a 15 anos de prisão por corrupção e porte ilegal de armas.

Nas publicações de jornais e portais de notícias colombianos sobre a fuga de Aída, a empresa não se pronunciou sobre o assunto.

Ex-senadora colombiana foge da prisão em moto da Rappi e está foragida

A ex-senadora estava presa por corrupção e porte ilegal de armas. Aída Merlano fugiu em uma moto de um aplicativo de entregas (Foto: Reprodução/El Tiempo)