Estelionatário aplica golpe em posto de combustíveis

Por email, o suspeito disse que havia feito transferência bancária errada e pedia o valor de volta

Um posto de combustíveis localizado na Avenida Perimetral Norte, em Goiânia, foi alvo de um golpe ontem (2). Uma funcionária da empresa recebeu um e-mail pedindo a devolução do valor de R$ 22.680, que teria sido transferido para a conta do posto por engano. No e-mail, o estelionatário afirma que a esposa fez a operação financeira errada e pede com veemência pela devolução do valor.

O dono do posto, que preferiu não se identificar, explica que determinados clientes costumam fazer pagamento por depósito bancário. Por isso, a funcionária fez a transferência imediatamente sem conferir antes a veracidade das informações do e-mail. “Ela agiu com extrema honestidade e ingenuidade. Sabemos que todo o valor foi sacado na boca do caixa. Fica o alerta para que não aconteça com outras pessoas”, lamenta o proprietário.

No e-mail, o estelionatário enviou o comprovante de transferência, que na verdade é de um depósito que havia sido feito com envelope vazio. Após perceber o golpe, o empresário registrou Boletim de Ocorrência na Delegacia de Investigação Criminal (Deic).

De acordo com a delegada titular do Grupo de Repressão a Estelionato e Outras Fraudes da Deic, Mayana Rezende, este tipo de golpe é comum contra todo tipo de empresa e também pessoa física. “Pedimos as imagens das câmeras de segurança da agência em que foi realizado o depósito, mas nem sempre elas são suficientes para a identificação do responsável”, explica a delegada. Segundo Mayana, a única forma de se proteger deste tipo de ação é ter certeza que o dinheiro caiu na conta antes de fazer a transferência.