Estadao Conteúdo

Estado Islâmico mata 11 em emboscada em mesquita no Afeganistão

38 militantes, incluindo 23 combatentes do Estado Islâmico, foram mortos em operações

Ao menos dez policiais e a esposa de um comandante de polícia foram mortos em uma emboscada do Estado Islâmico na província de Jowzjan, no Afeganistão.

Segundo o porta-voz do governo local, Mohammad Reza Ghafori, os policiais foram abordados na saída de uma mesquita. A esposa do comandante ouviu que seu marido tinha recebido tiros e correu para o local, onde também foi assassinada.

Militantes ligados ao Estado Islâmico tem sido ativos no leste do Afeganistão, mas recentemente começaram a operar no norte do país também.

Ao mesmo tempo, o Ministério do Interior disse em um comunicado que cerca de 38 militantes, incluindo 23 combatentes do Estado Islâmico, foram mortos em operações separadas conduzidas pelas forças de segurança do Afeganistão no leste e sul do país nos últimos dois dias. Outros oito militantes foram feridos e seis foram presos.