Teatro

Espetáculo contemporâneo Não Posso Esqucer é encenado na UFG

Temporada terá nove apresentações até o dia 5 de dezembro




Não Posso Esqucer – grafado exatamente assim – é a peça contemporânea que explora o corpo feminino, dirigido por Valéria Braga e encenado pela profesora Maria Ângela de Ambrosis. A performance está em uma temporada com apresentações nesta sexta-feira (18), sábado (19), domingo (20), 26 e 27 de novembro e 4 e 5 de dezembro, às 20h.

O local escolhido é o prédio de Oficinas da Escola de Música e Artes Cênicas (Emac), da Universidade Federal de Goiás (UFG), no Campus I, na Praça Universitária, Setor Leste Universitário. A entrada é gratuita. 

O espetáculo tem entre suas referências o poema Ventania, de Cecília Meireles, e a instalação Desert Park, de Dominique Gonzalez-Foerster. O cenário é uma parede de raízes e tronco de uma gameleira, um “templo do perdão”. Nesta sexta, após a apresentação, haverá uma roda de debates com a bailarina, fotógrafa e jornalista Camila Vinhas.