Agência Brasil

Escolas e ônibus são incendiados no Maranhão

Ministro Gilmar Mendes e o ministro da Defesa, Raul Jungmann, se dirigiram ao local

Pelo menos três escolas onde haveria votação neste domingo (2) no Maranhão sofreram ações de bandidos na madrugada de hoje (1º), informou o Tribunal Regional Eleitoral do estado. O vandalismo ocorreu em seções eleitorais na região metropolitana de São Luís, a capital, e em São José de Ribamar, que estão sendo transferidas para outros locais com escolta policial.

Duas escolas foram incendiadas e uma delas sofreu danos, com a queima de material didático e de expediente. As urnas que serão utilizadas nas eleições não estavam no local durante os crimes. Elas passam a ser distribuídas agora à tarde na região.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, já está no Maranhão, onde confere de perto as medidas que estão sendo adotadas para garantir a segurança e a ordem durante as eleições municipais de amanhã. O ministro da Defesa, Raul Jungmann, também participa, em São Luís, com o presidente do TSE, de reunião com o governador do Maranhão, Flávio Dino.

Na noite da última quinta-feira (29), bandidos também promoveram uma onda de ataques na capital maranhense. Ônibus foram incendiados na capital e no interior, e até escolas foram queimada pelos criminosos. Em nenhuma das ocorrências houve mortos ou feridos, informou o TSE.