Goiás Agora

Escola pública goiana vence Olimpíada Internacional de Matemática

Colégio Estadual Odiolon José de Oliveira, em Iporá, ganhou medalha de ouro e ainda recebeu menção honrosa na competição

Duas turmas do Ensino Fundamental do Colégio Estadual Odilon José de Oliveira, em Iporá, foram premiadas na mais recente Olimpíada Internacional Matemática sem Fronteiras (MSF). A turma do 9º ano conquistou Medalha de Ouro e a do 5º recebeu Menção Honrosa. Com pouco mais de 200 alunos, a instituição ganha destaque nacional pela premiação.

A performance na competição abre a perspectiva de a escola participar, em dezembro deste ano, da 7° International Young Mathematicians’ Convention (Convenção Internacional de Jovens Matemáticos), que será realizada em Lucknow, na Índia. Com isso, a pequena escola do interior goiano, será a única representante do Estado na principal competição interclasses de Matemática do mundo e que, a cada dois anos, reúne estudantes de quase 30 países.

A coordenadora pedagógica do colégio, Maria Cristina Alves Borges, explica que a confirmação da ida dos alunos à 7ª IYMC tem que ser oficializada até o próximo dia 30 de agosto. Segundo ela, as despesas da viagem ficarão em torno de R$ 50 mil. “Esse foi o cálculo que fizemos para levar nossa delegação, que será integrada por cinco estudantes, um professor, um representante da Subsecretaria Regional e um do grupo gestor da escola”.

Arrecadação

Para viabilizar a participação da escola na competição internacional, a escola está realizando uma campanha de sensibilização da comunidade local para arrecadar os recursos necessários. Além de buscar patrocínio, os professores estão participando de programas de rádio destacando a importância do prêmio e divulgando o nome do colégio.

“Neste momento todo o apoio é necessário. Os meninos estão entusiasmados com a possibilidade de participarem de um evento educacional fora do Brasil. Para eles e para nós, isso é um fator de motivação importantíssimo. O fato de uma instituição de ensino pública e do interior alcançar resultados tão bons mostra que é possível fazer a diferença. Isso melhora a confiança e a autoestima não só dos alunos, mas também dos educadores”

Sem fronteiras

As provas da Olimpíada MSF foram realizadas no dia 15 de abril último e o resultado foi divulgado no dia 11 de junho. Nesta edição mais de 50 mil estudantes de quase mil escolas públicas e privadas participaram, o que consagra ainda mais o bom desempenho dos alunos do Odilon José de Oliveira.

Organizada pela Rede do Programa de Olimpíadas do Conhecimento (Rede POC), a Olimpíada Matemática Sem Fronteiras (MSF) é a versão brasileira da Mathématiques Sans Frontières, competição criada em 1989 pelo Ministério da Educação francês. No primeiro ano participaram apenas três países, mas hoje já são quase 30, com mais de 244 mil alunos dos ensinos Fundamental e Médio do mundo inteiro na disputa.

No Brasil, a MSF é realizada desde 2010, sendo a língua portuguesa um dos dez idiomas adotados na prova. A competição credencia os estudantes com melhor desempenho a participarem da 7ª International Young Mathematicians’ Convention (IYMC), como é o caso dos alunos do Colégio Estadual Odilon José de Oliveira.