PROCESSINHO

Empresa de Gusttavo Lima é processada após funcionário se envolver em acidente

Em 2019 um carro da empresa de Gusttavo Lima se envolveu num acidente que resultou na morte de um motociclista


Da Redação
Do Mais Goiás | Em: 14/03/2020 às 13:02:09

Em 2019 um carro da empresa de Gusttavo Lima se envolveu num acidente que resultou na morte de um motociclista (Foto: Divulgação/PRF)
Em 2019 um carro da empresa de Gusttavo Lima se envolveu num acidente que resultou na morte de um motociclista (Foto: Divulgação/PRF)

Uma das empresas administrada pelo cantor Gusttavo Lima está respondendo um processo milionário na Justiça. É o que afirma o jornalista Leo Dias. Segundo Dias, há cerca de um ano, um carro da empresa, dirigido por um funcionário, se envolveu num acidente que resultou na morte de um motociclista.

“Desde então, os advogados da família da vítima têm movido três processos contra a empresa, que, somados, ultrapassam R$ 1,5 milhão. A empresa do cantor considera esse valor muito acima dos patamares do que a Justiça aplica a casos parecidos”, lê-se na publicação.

Leo Dias diz que já foram realizadas duas audiências de conciliação e a empresa ofertou um valor para resolver os três processos. Contudo, a proposta foi recusada pelos advogados.

“Na época do ocorrido, em junho de 2019, a empresa de Gusttavo Lima prestou a assistência necessária à família, inclusive, custeando o funeral”, continua o texto.

A publicação de Leo Dias conclui informa que a empresa de Gusttavo Lima “está se sentido chantageada pelos advogados porque entende que os profissionais estão tentando vincular o nome do cantor ao acidente”.

Compositor processa Gusttavo Lima e pede R$ 20 milhões na Justiça