FolhaPress

Emocionada, Andressa Urach pede para Edir Macedo acabar com Fogueira Santa

"Depois de ter doado tudo para Deus eu fui chutada da igreja", disse a vice-Miss Bumbum

Emocionada, Andressa Urach pede para Edir Macedo acabar com Fogueira Santa Andressa Urach igreja universal
(Foto: Reprodução)

Andressa Urach, 33, usou a função Stories, do Instagram, para mandar um recado para o bispo e fundador da Igreja Universal do Reino de Deus, Edir Macedo, 76. Além de tecer duras críticas a ele, a ex-vice-Miss Bumbum fez um longo desabafo no qual contou detalhes de sua saída da instituição religiosa.

“Eu fui ao fundo do poço por causa da Fogueira Santa. Tudo bem o dízimo, maravilhoso para a obra de Deus crescer, mas a Fogueira Santa? Você tirar o chão dos meus pés, quase me levou para o inferno. Eu dei tudo para Deus. Tudo que Ele me deu eu devolvi!”, disse Andressa Urach , se referindo à campanha da igreja que pede para os fiéis doarem todos os bens materiais à Universal.

“Fui orientada a ir à política e eu disse que não estava preparada porque não queria me perder, não me achava madura o suficiente, espiritualmente falando, para ir para algo que não entendia”, contou a ex-dançarina, emendando que sua decisão não foi bem aceita.

“Estava nas aulas de missionária, até que uma pessoa me disse que eu era mais útil fora da igreja do que dentro. Sou um objeto? Porque sou mais útil na política do que falando de Jesus? O homem pode definir o meu chamado?”, questionou Andressa Urach, em seguida detalhando, como foi sua expulsão da Universal.

“Depois de ter doado tudo para Deus eu fui chutada da igreja com uma mão na frente e outra atrás. Pede o dízimo, mas não faça a Fogueira Santa, bispo”, pediu ela. “E mais uma vez eu estaria desobedecendo e colheria os frutos da desobediência. O que aconteceu? Fui expulsa de grupos, bastante humilhada. Fui tratada como um demônio, sem ter dado motivos”, relembrou.

+ Bolsonaro escala Mourão para conter crise da Igreja Universal em Angola; LEIA

“Até então, eu não tinha cometido pecado algum, vivia em obediência, em sacrifício. Tinha doado todo o meu salário na Fogueira Santa. Fiquei devendo no cartão de crédito porque não tinha dinheiro para pagar minhas contas, porque tinha feito meu sacrifício. Doei todos os meus carros, todo o meu patrimônio. Só sobrou minha casa, que por pouco eu não doei”, recordou, falando em seguida da sua saída da RecordTV, emissora também administrada por Edir Macedo.

“Eu sabia ser apresentadora de TV… Não consigo nem falar porque me dói… eu pedi ajuda, implorei para receber uma parte do meu dinheiro de volta, para eu poder abrir um negócio, porque eu não tinha como sustentar meu filho. Eu ia fazer o que? Voltar para a prostituição? E minha alma? E as milhares de almas que estavam caindo comigo? Com a minha queda? Porque se converteram através do meu testemunho? O que vocês queriam? Que eu fosse exemplo de desobediência?”, desafiou Andressa Urach.

“Disseram que não iriam devolver minhas doações para não abrir precedentes para outras pessoas pedirem de volta as doações, mas tudo bem a minha alma ir para o inferno, né? Tudo bem voltar para o put****. Mas Jesus teve misericórdia de mim”, falou a ex-vice-Miss Bumbum ao tecer elogios ao marido, Tiago Costa.

“Deus teve tanta misericórdia de mim que colocou na minha vida um homem de Deus, que é meu marido, que sabe da minha história. Deus não me desamparou”. Apesar das lágrimas e do instante de tristeza do relato, Andressa Urach também teve um momento mais animado neste domingo (18), quando fez campanha no Twitter para participar da próxima edição do BBB (Globo).

“Queria tanto entrar para o BBB, bem que o pessoal do Twitter poderia me ajudar a pedir para o Boninho para me dar a chance de entrar no BBB e poder ganhar o prêmio. Os R$ 2 milhões que doei pra igreja Universal, agora estão fazendo falta”, postou Andressa Urach, pedindo que os internautas a ajudassem a convencer Boninho, que é diretor do reality, a convidá-la para participar da atração.

No início de 2021, Urach já tinha deixado claro que gostaria muito de participar do BBB. A modelo disse à época que, caso participasse do BBB nos dias de hoje, não poderia garantir que não brigaria com outros participantes.

“Não sou perfeita. Luto muito pelas coisas que eu acredito […] Eu não garanto que eu não brigaria, porque eu sou brava. Hoje eu sou contida pelo espírito de Deus, mas não pisa no meu calo. Eu tenho uma personalidade forte, e isso não mudou”, disse em janeiro.

+ Justiça bloqueia R$ 58 mil da Universal por dívida no aluguel de templo; LEIA