Famosos

Emma Watson cria clube feminista de leitura

Para participar, basta ter uma conta no Goodreads





//

A atriz britânica e embaixadora da ONU, Emma Watson, acaba de criar um clube do livro online. Mas não é qualquer livro: a ideia do grupo é focar e discutir obras sobre o tema feminismo. Conhecida por viver a bruxa Hermione nas telas, ela recorreu à sua enorme base de fãs para tentar escolher um nome para o grupo.

“Olá time! Quero começar um clube de leitura feminista, mas até agora só consegui pensar em Clube de Leitura Feminista e Clube de Leitura Emma Watson. Tenho certeza que existe um nome mais inspirador por aí. Alguém tem ideias?”, escreveu no Twitter.

Logo choveram sugestões, a maior parte sérias, outras tantas debochadas. Algumas faziam referência direta à saga Harry Potter, como Armada Hermione ou Clube da Hermione. Outros faziam trocadilhos com o nome da atriz: “Emmancipation” (“emancipação”) e “Watson Your Bookshelf” (“o que está na sua prateleira de livros”). Por fim, o nome escolhido foi Our Shared Shelf (nossa estante compartilhada). O grupo foi criado no site Goodreads e a primeira leitura selecionada é My Life on the Road, da jornalista Gloria Steinem, sem tradução no Brasil.

Ela não esqueceu de agradecer aos fãs: “Absolutamente amei esse. Obrigada a todos que vieram com sugestões e ideias. Foi muito legal da parte de vocês”. Formada em Literatura, Watson tem apenas 25 anos e usa sua imagem para militar em prol da igualdade de gênero. No grupo, outros tópicos de conversa já surgiram explorando o tema, como definições e outras sugestões e conversas iniciadas pelos participantes.