Estadao Conteúdo

Em jogo ruim, Grêmio empata com Brasiliense e está nas oitavas da Copa do Brasil

No primeiro confronto, os gaúchos venceram por 2 a 0, em Porto Alegre

Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Em uma partida de baixo nível técnico, o Grêmio empatou, nesta quinta-feira (10), com o Brasiliense, em Taguatinga, sem gols, e garantiu vaga nas oitavas da Copa do Brasil. O time gaúcho fez valer a vantagem de 2 a 0 obtida no duelo de ida, em Porto Alegre, e agora aguarda o próximo adversário que será conhecido em sorteio.

Com a vantagem obtida no primeiro duelo, o Grêmio iniciou em ritmo lento, abusou da troca de passes e fazendo uma marcação apenas em seu campo. Com isso, não dava espaço para o Brasiliense, que, sem qualidade técnica, quase nada fez nos primeiros 45 minutos.

A primeira etapa foi marcada pela lesão do goleiro Edmar Sucuri, que torceu o pé em jogada isolada e teve de ser atendido no gramado por cinco minutos. O atleta recebeu atendimento médico e conseguiu permanecer na partida.

Sem criatividade e inspiração, os times passaram a arriscar de longe, mas a pontaria de Lídio e Lucas Silva foi muito ruim e não levou perigo.

Como o Brasiliense não ia para o ataque, o Grêmio resolveu se adiantar um pouco, principalmente pelo lado direito com Vanderson, mas as jogadas de linha de fundo foram mal finalizadas.

A maior oportunidade do primeiro tempo aconteceu aos 45 minutos, após falha de Geromel, que teve de fazer falta em Zé Love. O próprio veterano bateu e o lance terminou com boa defesa de Paulo Victor.

O segundo tempo foi bem diferente e muito melhor. Tiago Nunes pareceu ter puxado as orelhas de seus atletas, que voltaram mais animados e com a companhia de Diego Souza e Ferreira, que estavam no banco, recuperados da covid-19.

A postura gremista, mais ofensiva, propiciou espaços para os contra-ataques do Brasiliense, principalmente com Luquinhas pelo lado esquerdo. A disputa ficou mais interessante, mas os times permaneceram muito ruins nas conclusões. Aos 33 minutos, em uma momento raro de lucidez, o Grêmio fez boa troca de golpes e Ferreira acertou a trave de Sucuri.

A situação do Brasiliense ficou ainda pior aos 30 minutos, quando Zotti foi expulso. A partida se arrastou até o final, a vaga foi gremista, mas o time vai ter de melhorar muito para somar o sexto título na competição.

FICHA TÉCNICA

BRASILIENSE 0 x 0 GRÊMIO

BRASILIENSE – Edmar Sucuri; Diogo, Badhuga, Keynan e Peu; Lídio, Sandy (Wagner Balotelli), Zotti e Peninha (Carlos Eduardo); Luquinhas (Didira) e Zé Love (Victor Rangel). Técnico: Vilson Tadei.

GRÊMIO – Paulo Victor; Vanderson; Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Thiago Santos, Lucas Silva (Maicon), Jean Pyerre (Luiz Fernando) e Jhonata Robert (Bobsin); Ricardinho (Diego Souza), Léo Chu (Ferreira). Técnico: Tiago Nunes.

ÁRBITRO – Wanderson Alves de Sousa (MG).

CARTÕES AMARELOS – Peu, Geromel, Lídio, Zotti, Luquinhas e Diogo

CARTÃO VERMELHO – Zotti.

LOCAL – Estádio Serejão, em Taguatinga.