Críticas

Em Aparecida, Iris sobe o tom contra o governo do Estado

Para candidato, cidade ficou esquecida enquanto atual gestão se associava ao crime organizado




//
//

Após ouvir as inúmeras reclamações dos moradores e lideranças de Aparecida de Goiânia, o candidato a governador pela ‘Coligação Amor por Goiás’, Iris Rezende (PMDB), subiu o tom e criticou o descaso do atual governo com o município.

“É impressionante ouvir de vocês os inúmeros gargalos que ainda temos de enfrentar por falta de investimentos do Estado. Este governador está há 16 anos no poder e nunca fez nada por Aparecida porque passou todo este tempo associando o governo ao crime organizado”, disse referindo-se às ligações entre a atual gestão e o bicheiro Carlinhos Cachoeira.

Iris falou sobre a tentativa de se construir um presídio dentro da cidade de Aparecida de Goiânia e disse que não permitirá a obra, que classificou como irresponsabilidade. “É preciso ter cuidado com a população. Diante da falta de penitenciárias, eles resolvem fazer uma dentro da cidade. Não vou permitir isso. Não vou permitir que tirem a tranquilidade da população. Os presídios devem ser construídos fora do perímetro urbano porque cidade nenhuma deve servir como depósito de bandidos”, explicou.

O peemedebista lembrou o caos da Segurança Pública e apresentou o que, de fato, são soluções concretas. “Vamos dobrar o efetivo das polícias Civil e Militar. Vamos capacitar estes profissionais e equipá-los com o que há mais moderno e tecnológico. E vamos além: vamos investir na educação de qualidade. A formação dos nossos jovens e crianças é o primeiro passo para uma sociedade segura”, enumerou.

O governadoriável participou de reunião com cerca de mil pessoas, promovida pelo vereador e candidato a deputado estadual, Dr. Ezízio Barbosa, na noite desta segunda-feira (1º/09).