Educação

Eleição para diretores de escolas públicas acontece nesta terça-feira

Um total de 1.029 escolas terão nova direção.





//

Nesta terça-feira, dia 24, até as 21 horas, acontece o Processo de Escolha dos novos diretores da rede estadual de Educação. Nesta quarta etapa, as Unidades Educacionais regulares e de Educação de Jovens e Adultos que integram a rede estadual de ensino recebem pais, alunos a partir de 11 anos e funcionários efetivos para a escolha dos nomes que concorrem aos cargos. As escolas conveniadas e de ensino especial não participam do Processo de Escolha. Um total de 1.029 escolas terão nova direção.

A votação é direta, secreta e facultativa e a mesa coletora está instalada nas unidades. O quórum mínimo para funcionários efetivos é de 50%, mesma quantidade exigida para o caso de alunos. Já no segmento de pais ou responsáveis, é necessário ao menos 20%. A solenidade de posse será no dia 3 de março, às 10 horas, no Centro Cultural Oscar Niemeyer (CCON), em Goiânia.

A escolha democrática de diretores em Goiás foi instituída no ano de 2000, durante o primeiro mandato do governador Marconi Perillo. A data marcou também um dos primeiros feitos da secretária Raquel Teixeira à frente da Secretaria de Educação, pasta que ela assumiu de 1999 a 2001. Desde então, a troca de diretores ocorre de três em três anos.

Outras etapas

Os candidatos que chegaram até a votação precisaram passar por outras etapas: participação no Curso de Formação Inicial para Gestores de Educação Pública, avaliação individual de conhecimentos específicos sobre o curso e elaboração do Plano de Ação Educacional (PAE). Os vencedores no Processo de Escolha da comunidade escolar ainda deverão ser aprovados em uma quinta etapa, que é a adesão e conclusão do Curso de Aperfeiçoamento para Gestores da Educação Pública, oferecido pela Secretaria em data a ser definida.

Tópicos