Dragão sofre para bater São Bento em casa

Kozlinski fecha meta e Pedro Raul anota o gol da vitória rubro-negra no Estádio Antônio Accioly


Fábio Alves
Do Mais Goiás | Em: 31/08/2019 às 18:46:02

Dragão dominou o primeiro tempo e passou apertado na parte final do jogo contra o São Bento (Foto: Reprodução)
Dragão dominou o primeiro tempo e passou apertado na parte final do jogo contra o São Bento (Foto: Reprodução)

O Dragão sofreu para evitar um tropeço na Série B. Em casa, o Atlético-GO recebeu o São Bento e, com sufoco nos minutos finais, conseguiu vencer por 1 a 0. O centroavante Pedro Raul marcou o gol do jogo no Estádio Antônio Accioly, na tarde de sábado (31). Com 34 pontos, a equipe goiana segue na terceira posição da competição.

A dinâmica da partida foi parecida com a última atuação do Atlético-GO, quando empatou com o Sport (1 a 1) fora de casa. O primeiro tempo foi de domínio do Dragão nos dois embates. Na segunda parte, a produção da equipe goiana caiu. A diferença foi que contra o São Bento o goleiro Maurício Kozlinski conseguiu evitar que a rede atleticana fosse balançada no duelo pela 20ª rodada.

“A gente precisa melhorar isso, deixamos cair muito. No primeiro tempo temos conseguido dominar, mas está caindo muito.  É uma coisa que temos que rever pra não voltar a acontecer”, analisou o goleiro rubro-negro.

O próximo jogo do Atlético-GO é contra o Coritiba, no domingo (8). A partida, válida pela 21ª rodada, começa às 11h e será disputada no Estádio Couto Pereira, em Curitiba.

O atacante Pedro Raul, do Atlético-Go, protagonizou as principais jogadas ofensivas do primeiro tempo. Aos 19 minutos, após bola rebatida na grande área, ele pegou a sobra e ficou de frente para o gol. Sem marcação, o atacante teve a chance de abrir o placar. O chute saiu errado, por cima da meta.

Demorou para Pedro Raul ter outra chance. Aos 39 minutos, ele não voltou a falhar. O goleiro do São Bento, errou a reposição de bola. Moacir interceptou a redonda e lançou na medida para Pedro Raul. O atacante dominou, cortou a marcação de Joílson e bateu com categoria, de canhota. A bola morreu no cantinho. Belo gol rubro-negro.

Antes do intervalo, teve mais Pedro Raul. Ele recebe lançamento e tocou na saída do goleiro Renan Rocha, que conseguiu a defesa. No rebote, Nicolas chutou e Renan teve que trabalhar mais uma vez para evitar o gol.

Na segunda parte, o Atlético-GO deixou de pressionar e a peleja ficou morna. O São Bento, que está na zona de rebaixamento, ofereceu pouco perigo mesmo com espaço para jogar. Apenas nos minutos finais é que os visitantes colocaram o goleiro atleticano para trabalhar.

A melhor intervenção veio nos acréscimos, aos 47 minutos. Após furada da defesa rubro-negra, Zé Roberto ficou livre de frente para o gol. Ele bateu forte, num arremate à queima-roupa. Mauricio Kozlinski mostrou mais uma vez ser um porto seguro e conseguiu evitar o gol.

 

Ficha Técnica

Atlético 1×0 São Bento

Local: Antônio Accioly

Data/horário: 16h39

Árbitro: Felipe Gomes (PR)

Assistentes 1: Rafael Trombeta – PR

Assistente 2: Victor Hugo Imazu dos Santos – PR

Cartões Amarelos: (Atlético) Moacir; (São Bento) Vinicius Kiss e Rodolfo.

Gols: Pedro Raul (Atlético)

Público pagante 2.620; Público presente 3.595; Renda 43.525.

Atlético: Kozlinski; Jonathan, Oliveira, Gilvan, Nicolas; André Castro, Moacir (Pedro Raul), Jorginho (Reginaldo); Matheus (André Luís), Mike, Pedro Raul. Técnico: Wagner Lopes

São Bento: Gabriel Félix; Marcos Martins (Dudu Vieira), Joilson, Guilherme Mattis, Mansur; Fábio Bahia, Doriva, Rodolfo; Vinicius Kiss (Caio Rangel), Paulinho Boia (Minho), Zé Roberto. Técnico: Luizinho Rangel.