Maus tratos

Dois casos de maus tratos contra idosos são registrados no mesmo dia, em Anápolis

Duas pessoas foram presas em flagrante. Uma delas era filha de uma das vítimas e a outra a mantinha em cárcere privado para pegar a aposentadoria

Cidades

Da Redação
Do Mais Goiás | Em: 19/02/2020 às 18:44:50

(Foto: Reprodução / PC)
(Foto: Reprodução / PC)

Dois casos de maus tratos contra idosos foram registrados pela Polícia Civil (PC) nesta quarta-feira (19), em Anápolis, a cerca de 60 km de Goiânia. Em um dos casos, a suposta agressora era filha da vítima. No outro, um homem manteve uma idosa em cárcere privado para se apropriar da aposentadoria dela.

De acordo com informações da corporação, uma das vítimas tinha 70 anos e era constantemente humilhada, além de sofrer xingamentos e ameaças graves. De acordo com a assessoria de imprensa da PC, ela estava impedida do gozo de direitos fundamentais dentro da própria casa.

A filha, suspeita, cujo nome não foi divulgado pela polícia em respeito à Lei de Abuso de Autoridade, tem 48 anos e será autuada pelos crimes de ameaça, injúria, invasão de domicílio e discriminação contra pessoa idosa. Se condenada, ela pode pegar entre 11 meses e dois anos e sete meses de prisão.

Segundo caso

O segundo preso cometia os crimes contra uma idosa de 80 anos. O suspeito, de 55 anos, não tinha qualquer relação de parentesco com a vítima e a mantinha trancada em um barraco. O local não tinha água nem energia elétrica e estava em condições precárias.

Ainda de acordo com a corporação, a vítima era levada mensalmente para sacar o benefício da aposentadoria. O suspeito embolsava o valor e retornava com a idosa para o barraco.

Ele foi autuado pelos crimes de cárcere privado, maus tratos e apropriação de aposentadoria. Se condenado, pode pegar entre três anos e um mês oito anos e três meses.