Do Mais Goiás

Diretório do MDB de Goiânia reafirma apoio à reeleição de Caiado: “Discussão está superada”

Nota publicada um dia depois de movimento em apoio à candidatura de Mendanha afirma que “um democrata de verdade tem que acatar a decisão da maioria”

Diretório do MDB de Goiânia reafirma apoio à reeleição de Caiado “Discussão está superada”
Carlos Jr., presidente do MDB em Goiânia. Foto: Divulgação

O Diretório municipal do MDB publicou nota no final da tarde deste sábado (11) afirmando que considera a discussão sobre candidatura própria para as eleições de 2022 superada. A manifestação foi publicada após lideranças da sigla defenderem o nome do prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, para disputar o Palácio das Esmeraldas no ano que vem.

“A decisão do diretório, anunciada no dia 24 de agosto, conjuntamente com os seis vereadores da bancada do partido na Câmara de Goiânia, é de aliança com o governador Ronaldo Caiado (DEM), e a reunião promovida pelo deputado estadual Paulo Cesar Martins na última sexta-feira, na capital, para defender a candidatura do prefeito Gustavo Mendanha (Aparecida de Goiânia) ao governo do Estado, não conta com o respaldo do diretório da capital”, diz a nota.

O presidente do MDB em Goiânia, Carlos Jr., afirmou que o partido sempre trata os divergentes com respeito e que a discussão da aliança foi feita de forma democrática e transparente. “O resultado foi o mais claro possível. Então quem agora diz que o MDB de Goiânia pode ter outro entendimento tenta vender uma ilusão que desrespeita a maioria absoluta do partido”.

O presidente ressaltou também que o diretório, todos os vereadores da sigla na capital e três deputados estaduais que residem em Goiânia (Bruno Peixoto, Henrique Arantes e Humberto Aidar) também assinaram um documento no último dia 9 em defesa da composição com Caiado. Carlos Jr afirmou ainda que, no início, também defendia uma candidatura própria, mas que acatou a decisão da maioria.

“Um democrata de verdade tem que acatar a decisão da maioria. Fizemos as consultas que foram solicitadas pelos que defendem candidatura própria e o resultado favorável à aliança foi muito claro. Agora não dá pra ficar criando subterfúgios para justificar um desejo pessoal e ignorar a vontade do partido”, disse o presidente.

Nota foi publicada um dia depois de manifesto em apoio a Mendanha

A nota do diretório municipal foi publicada depois que nomes como o do advogado Ênio Salviano, do deputado estadual Paulo César Martins e do prefeito Gustavo Mendanha enfatizaram ideia de candidatura própria. A manifestação aconteceu durante uma reunião nesta sexta-feira (10). Para os líderes, o partido tem desenvoltura para bancar um aspirante próprio.

Sobre o encontro, a nota do MDB de Goiânia ressaltou que o nome de Íris Rezende foi usado, mas que o ex-prefeito da capital defende abertamente o apoio a Caiado, sendo o principal articulador da aproximação junto com Daniel Vilela.

“Grande parte dos presentes ao evento eram membros do MDB de Aparecida, como o vice-prefeito Vilmarzinho e o presidente da Câmara Municipal, André Fortaleza. Ambos são, evidentemente, os maiores beneficiados em uma eventual renúncia de Gustavo Mendanha do cargo de prefeito de Aparecida”, enfatiza a nota.