Maio Amarelo

Detran-GO oferece palestra de direção defensiva a motoristas da Metrobus

Ação faz parte de Maio Amarelo, que é o mês que chama atenção para a violência no trânsito. Cerca de 50 motoristas participaram do evento


Joao Paulo Alexandre
Do Mais Goiás | Em: 16/05/2019 às 17:51:45

Plotagens em veículos do Eixo Anhanguera sobre a palestra (Foto: Divulgação/Metrobus)
Plotagens em veículos do Eixo Anhanguera sobre a palestra (Foto: Divulgação/Metrobus)

Uma palestra com o tema de “Direção Defensiva”, promovida pelo Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO) e o Governo de Goiás, foi assistida por 40 colaboradores da Metrobus, na manhã desta quinta-feira (16). A instrutora do órgão estadual, Regina Lúcia da Costa, destacou os cuidados que os motoristas devem adotar para um trânsito mais pacífico e seguro.

A ação faz parte do Maio Amarelo e também contou com plotagens na traseira de 50 veículos que circulam no Eixo Anhanguera e extensões. “Os passageiros não pensam na segurança deles, então vocês (motoristas) devem ter esse cuidado redobrado”, salienta a instrutora.

Regina também destacou que os motoristas não enxerguem as blitz como uma “industria da multa” e que elas não perseguem apenas pessoas que dirigem embriagadas. “Não é só encontrar gente que bebeu e está dirigindo. As blitz da Lei Seca tem o intuito de minimizar violências no trânsito. Por meio delas, já foram identificados carros roubados, apreensão de drogas e até mesmo sequestros relâmpagos”, ressalta .

O gerente de transporte da Metrobus, João de Castro Torres, agradeceu a iniciativa e salientou a importância do Maio Amarelo dentro da empresa. “Os acidentes do trânsito hoje no Brasil são um problema de saúde pública e para minimizar os graves é necessário que todos deem as mãos. Os órgãos de trânsito com ações efetivas e de conscientização no trânsito, como o Maio Amarelo que em conjunto à reflexão do motorista que assiste as palestras, pode promover um melhor trânsito para toda a cidade”, salientou.

Para a instrutora, o Maio Amarelo dura o ano todo. “É um mês especial por conta da campanha, mas as ações continuam ao longo de todos os outros meses. A diminuição dos acidentes de trânsito no Carnaval mostra isso”, diz Regina ao lembrar a redução nos acidentes de trânsito durante o Carnaval em 2019.

Em relação a 2018, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública, houve uma diminuição de 42,15% nos acidentes. Se no ano passado, houveram 427, este ano foram registrados 247 casos. Uma queda ainda maior é identificada quando considerada as vítimas fatais: em 2018 foram 34 ocorrências. Este ano, 18 óbitos. Uma redução de 47,06%. “Isso é um reflexo das ações que promovemos no intento de melhorar as condições de trânsito aos motoristas”, ao chamar atenção as quedas entre um ano e o outro.