Cidades

Detido por agredir esposa e decapitar cães passa a usar tornozeleira eletrônica

Jucicley é investigado pelos crimes ocorridos no último sábado (15), no Setor Cândida de Morais, região Noroeste da capital


Thaynara Cunha

Do Mais Goiás | Em: 19/06/2019 às 12:14:27


No momento da prisão, o acusado confessou que teria matado os animais com uma faca (Foto: Divulgação / PM)
No momento da prisão, o acusado confessou que teria matado os animais com uma faca (Foto: Divulgação / PM)

Suspeito de agredir esposa e decapitar cães passa a ser monitorado por tornozeleira eletrônica, em Goiânia. A decisão é do juiz Wilson da Silva. Além do uso do geolocalizador, o magistrado determinou, ainda, que Jucicley Ibiapino Macedo, de 34 anos, não poderá se aproximar da mulher e da família, mantendo uma distância mínima de 500 metros. Na sentença, Wilson não mencionou a agressão aos animais.

Jucicley é investigado pelos crimes ocorridos no último sábado (15), no Setor Cândida de Morais, região Noroeste da capital. No momento da prisão, o acusado confessou que teria matado os cães com uma faca.

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), o suspeito chegou em casa, bateu na esposa, Claudinete Silva de Souza, e começou a quebrar os móveis da residência. Ela então fugiu e se escondeu na casa de uma vizinha, de onde chamou a polícia.

No local PMs não encontraram Jucicley, mas acharam os dois cachorros com as cabeças cortadas. O suspeito foi detectado na sequência, após buscas realizadas no setor. Ele confessou o crime e foi encaminhado, junto com a vítima, para a Central de Flagrantes.