Eleições 2020

Deputado diz ser incerta participação de Marconi e Zé Eliton no próximo pleito

Deputado, que é pré-candidato à prefeitura de Goiânia, afirma que um está fora de Goiás e outro perdeu o interesse pela vida pública

Política

Francisco Costa
Do Mais Goiás | Em: 14/11/2019 às 16:27:36

José Eliton e Marconi Perillo (Foto: Divulgação/Jota Eurípedes)
José Eliton e Marconi Perillo (Foto: Divulgação/Jota Eurípedes)

O futuro de Marconi Perillo (PSDB) na política goiana ainda não é certo.  Já o também ex-governador José Eliton (PSDB) pode ter perdido o gosto pela vida pública. É o que diz o deputado estadual tucano e pré-candidato à Prefeitura de Goiânia, Talles Barreto.

“Eles têm a sua história e não sei se estarão presentes [no pleito municipal]. Marconi está fora de Goiás e o Zé Eliton, pela informação que temos, perdeu o interesse de vida pública. Mas não tenho falado com ele”, revela Talles.

Vale destacar que Talles Barreto se assume como pré-candidato à Prefeitura de Goiânia. Apesar de dizer que “certo é só depois das convenções”, o deputado estadual afirma já trabalhar pela consolidação de seu nome.

“Tenho respaldo do presidente metropolitano, Eurípedes Jerônimo, e do presidente regional, Jânio Darrot. Estamos trabalhando na formatação de um plano de governo interessante, que lembre a história do PSDB. Temos muito orgulho de fazer parte dessa história”, destaca.

Prefeitura de Goiânia

Talles afirma que ele e o grupo já fizeram uma pesquisa qualitativa na capital. O intuito é ver o que a cidade realmente precisa para que o goianiense tenha “novamente orgulho”.

Ele explica que, recentemente, estev, em Curitiba para ver o transporte coletivo de uma das principais capitais da América Latina. O tucano destaca que quer levar à sociedade de Goiânia algo diferente. “Tenho certeza que podemos proporcionar um futuro melhor para todos.”

Dificuldade do pleito

Muitos nomes circulam como possíveis candidatos nos bastidores: Iris Rezende (MDB), Dra. Cristina (PSDB), Romário Policarpo (Patriota), Thiago Albernaz (SD), Elias Vaz (PSB), Francisco Jr. (PSC), Virmondes Cruvinel (Cidadania), Charles Bento (PRTB), Delegado Eduardo Prado (PV), Delegada Adriana Accorsi (PT), Vanderlan Cardoso (Progressista), Major Araújo (PSL) e outros mais.

De fato, talvez se confirmem de oito a dez nomes. Para Talles, o alto número de candidatos não prejudica a disputa, mas favorece. “O direito de outros disputarem faz parte. O PSDB vai ter candidato e sou pré-candidato. Com certeza, com algo diferente para fortalecer a sigla e dar ao goianiense uma expectativa de futuro melhor”, avalia.