Cidades

Depois de preso, prefeito de Caldas Novas é levado para o IML de Goiânia

Além do prefeito, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) levou outros quatro presos para realização do exame de corpo de delito


Juliana França

Do Mais Goiás | Em: 13/09/2018 às 15:35:47


Comboio da PRF chegou ao MPGO por volta das 14h. (Foto: Juliana França/Mais Goiás)
Comboio da PRF chegou ao MPGO por volta das 14h. (Foto: Juliana França/Mais Goiás)

O prefeito de Caldas Novas, Evandro Magal, foi levado há pouco para o Instituto Médico Legal (IML) de Goiânia pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Além de Evandro, também estão nos carros da PRF, que aparecem no vídeo, outros quatro presos na manhã desta quinta-feira (13) pela Operação Negociata, que farão exames de corpo de delito.⠀

São eles: Luciano Silva Guimarães Filho; a pregoeira da Prefeitura, Rosane Rodrigues Rosa; João Afonso e Rony Lopes. Os demais presos estão na sede Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO): um enfermeira e o policial militar reformado e diretor da Secretaria municipal de Administração de Caldas Novas, Marcos Patrício Alencar Escórcio; Sandro Silva Guimarães foi preso em Minas Gerais e ainda não chegou a Goiânia.⠀

Dos nove mandados de prisão expedidos, apenas um não foi cumprido e a pessoa é considerada foragida. O nome não foi divulgado pelo MP-GO. Todos eles estão envolvidos em investigações sobre fraudes em licitações, pagamentos de propina e lavagem de dinheiro envolvendo o Poder Executivo de Caldas Novas e alguns empresários, que eram beneficiados com a atuação ilícita dos agentes públicos. Outros 32 mandados de busca e apreensão foram cumpridos nesta quinta-feira.⠀

O comboio da PRF que trouxe os presos deveria ter chegado ao MP-GO ao meio-dia mas teve um atraso de mais de duas horas. Na chegada, alguns agentes desceram do carro, buscaram pastas com documentos e seguiram para o IML. Segundo informações preliminares, na manhã desta sexta-feira (14) será realizada uma coletiva de imprensa no MP-GO sobre a Operação Negociata.⠀

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por Mais Goiás (@maisgoias) em